Terça-feira, 21 Novembro 2017  17:39:21

HU-UFSCar: Mutirão atende aproximadamente 100 crianças do distrito de Santa Eudóxia

  • Escrito por  Da redação

Entre os dias 8 e 10 de novembro, o Hospital Universitário Dr. Horácio Carlos Panepucci da Universidade Federal de São Carlos (HU-UFSCar) avaliou o desenvolvimento neuropsicomotor de 98 crianças, entre 0 e 3 anos, do distrito de Santa Eudóxia, em São Carlos. Os atendimentos foram realizados no âmbito da ação nacional "Ebserh Solidária", promovida pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), que administra o HU, e que teve por objetivo levar atividades de prevenção e promoção da saúde para locais onde as dificuldades de acesso à assistência médica são maiores.

A indicação do distrito de Santa Eudóxia foi feita pelo Departamento Regional de Saúde III, de Araraquara (SP), que apontou o local como o mais carente da região no que se refere aos cuidados em saúde, principalmente na área da infância, pela ausência de um pediatra. Durante o mutirão do HU, foram avaliadas 98 crianças, incluindo as que estão matriculadas na creche do distrito e outras que foram indicadas pela Unidade de Saúde da Família (USF) de Santa Eudóxia, mas que residem em sítios ou localidades mais afastadas. De acordo com as necessidades da região e conforme alinhamento com os representantes da saúde local e municipal, a equipe do HU realizou a avaliação do desenvolvimento neuropsicomotor (DNPM) dessas crianças utilizando um instrumento que rastreia atrasos nos aspectos motor, social de linguagem/comunicação e de comportamento.

Além da avaliação das crianças, os pais e/ou cuidadores receberam material informativo sobre o desenvolvimento infantil e o uso de brinquedos e brincadeiras que estimulam e potencializam um desenvolvimento saudável. Os profissionais da USF e os educadores da creche do distrito também participaram da palestra "Promoção e proteção do desenvolvimento da criança", conduzida pela professora Flávia Pileggi Gonçalves, do Departamento de Medicina (DMed) da UFSCar e gerente de Ensino e Pesquisa do HU.

Para Mariana Ortelani Martins, terapeuta ocupacional do HU e coordenadora do mutirão, a ação realizada em Santa Eudóxia foi muito positiva. "Tínhamos uma meta de atender 131 crianças e atingimos 75% desse total, que é um número alto. Conseguimos chegar em uma comunidade que realmente carece desse tipo de atendimento.

Adicionar comentário

Atenção

• Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post e são de inteira responsabilidade de seus autores.

• Não representam necessariamente a opinião deste jornal.

PUBLICIDADE

Bogas
Atlântica
Prefeitura Dengue v2

PUBLICIDADE

Jornal 1ª Primeira Página. Todos os direitos reservados.