Quinta-feira, 24 Maio 2018  06:17:36

Programa “Frente de Trabalho” é lançado na cidade

  • Escrito por  DA REDAÇÃO

Nesta semana foi lançado o Programa "Frente de Trabalho" em Itirapina. A apresentação do projeto, que aconteceu no Anfiteatro Municipal "Monsenhor José Maria Fructuoso Braga – Padre Zé", contou com a presença de José Luiz Ribeiro, ex-secretário estadual do Emprego e Relações do Trabalho e da primeira-dama e presidente do Fundo Social, Mari Leila Bacciotti Cândido.

O Programa "Frente de Trabalho" é uma parceria entre a administração e Governo do Estado de São Paulo, que tem como objetivo qualificar cidadãos que estão desempregados, de no mínimo um ano, em carteira, e não seja beneficiário do seguro desemprego. “Representei o prefeito José Maria Candido (MDB) no lançamento do Programa ‘Frente de Trabalho’ em nossa cidade, oferecido pela Secretaria Estadual do Emprego e Relações do Trabalho, viabilizado por José Luiz Ribeiro, quer era secretário da pasta na ocasião que foi pleiteado o Programa”, comentou Mari Leila.

Durante o programa, os participantes receberão uma bolsa-auxílio de R$ 210,00 e R$ 86,00 de crédito para compra de alimentos e seguro de acidentes pessoais. “O bolsista da ‘Frente de Trabalho’ permanece no programa por até nove meses, com jornada de atividades de até seis horas diárias, quatro dias por semana. No quinto dia, ele faz um curso de qualificação profissional ou alfabetização”, explicou a primeira-dama. São 150 horas de capacitação.

A seleção de todos os inscritos foi realizada pelo sistema do Programa “Frente de Trabalho”, da Secretaria de Emprego e Relações de Trabalho, sendo escolhido um total de 25 bolsas. “Agradeço toda equipe da Secretaria Estadual, da Secretaria Municipal da Assistência Social, Poder Legislativo e convidados e parabenizo os 25 selecionados para o Programa e ao prefeito Zé Maria por mais essa conquista para nossa população”, destacou Mari Leila.

Vale lembrar que a participação no Programa não representa vínculo empregatício, já que tem caráter assistencial e de formação profissional. “A ‘Frente de Trabalho’ irá proporcionar qualificação profissional e renda para cidadãos que estão desempregados e fizeram a inscrição”, apontou.

O pedido para implantação do programa em Itirapina foi feito pela primeira-dama Mari Leila, que solicitou para o município o Programa Emergencial de Auxílio-Desemprego, conhecido como Frente de Trabalho, da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Governo do Estado de São Paulo.

 

Programa

 

O Programa Emergencial de Auxílio-Desemprego, que foi criado em 8 de junho de 1999 e também é conhecido como Frente de Trabalho, proporciona qualificação profissional e renda para cidadãos que estão desempregados e em situação de alta vulnerabilidade social. Isso é feito por meio de atividades como limpeza, conservação e manutenção de órgãos públicos estaduais e municipais.

 

Adicionar comentário

Atenção

• Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post e são de inteira responsabilidade de seus autores.

• Não representam necessariamente a opinião deste jornal.

PUBLICIDADE

Atlântica

PUBLICIDADE

Jornal 1ª Primeira Página. Todos os direitos reservados.