Sábado, 18 Novembro 2017  08:13:32

Soubak comemora nova indicação como melhor técnico de handebol

  • Escrito por  Estadão Conteúdo

Morten Soubak é dinamarquês, mas suas conquistas são comemoradas como se ele fosse brasileiro. Afinal, na sua sétima temporada à frente da seleção feminina de handebol, ele é um ícone da modalidade no País. Graças ao trabalho dele, o Brasil é o atual campeão mundial. E, por conta dos resultados da seleção, o treinador foi pela quarta vez seguida indicado ao prêmio de melhor do mundo.

"Fico muito grato por ter sido indicado mais uma vez, por ter sido lembrado por pessoas especializadas que acompanham o handebol mundial e também agradeço ao público que já está votando", disse Soubak, que apareceu na quinta-feira na lista de três finalistas da premiação promovida pela Federação Internacional (IHF, na sigla em inglês).

O dinamarquês foi segundo colocado entre os melhores técnicos de times femininos em 2011 e também em 2012. No ano seguinte, quando foi campeão mundial, a IHF não divulgou o resultado final da votação. Agora, concorre pelo trabalho feito em 2014, quando a seleção brasileira não obteve resultados expressivos.

Antes de apontar o melhor técnico do ano passado, a IHF elegeu os melhores atletas. No feminino, pela segunda vez em três anos, deu Brasil, com a central Duda repetindo o feito da ponta Alexandra, melhor do mundo em 2012.

"Acho que essa indicação é muito importante para o handebol brasileiro, assim como foi a eleição da Duda como melhor do Mundo em 2014 e a da Alexandra em 2012. Mostra que estamos fazendo um trabalho constante. Ser indicado pela quarta vez é um grande reconhecimento", acrescentou.

Adicionar comentário

Atenção

• Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post e são de inteira responsabilidade de seus autores.

• Não representam necessariamente a opinião deste jornal.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Jornal 1ª Primeira Página. Todos os direitos reservados.