Galeria dos grandes Mestres


Na edição de hoje, a Coluna Sertaneja presta uma pequena homenagem ao nosso querido Pedro Bento… esse grande cantor da cidade de Porto Feliz, interior de São Paulo, junto ao parceiro Zé da Estrada.
A dupla se destacava pelo estilo com seus chapéus e instrumentos típicos do estilo mexicanos, os amigos brotaram com força no interior paulista na década de 1950… ao inovar importando as rancheiras que fizeram sucesso na América Central.
O sucesso foi tanto que nas décadas de 1960, a dupla oficializou as roupas e acessórios como parte do cenário, ganhando o título de os “Os Amantes da Rancheira” O primeiro sucesso nacional veio em 1959 com a música “Seresteiro da Lua”. A mistura do caipira com a rancheira deu certo fazendo com que Pedro Bento e Zé da Estrada mantivessem o sucesso até os dias de hoje.
Na cidade de Pratânia, a cidade Natal de Zé da Estrada foi criando o museu que conta um pouco da história de Pedro Bento e Zé da Estrada homenageando a dupla…
Como cantor teve várias músicas gravadas. Ele amava profissão. A sua vida sempre foi a comunicação. E tinha muitas influências na história da música caipira.
Assim os anos se passaram. Conquistou uma legião de fãs por todo o Brasil com seu parceiro Zé da Estrada, durante mais de 50 anos.
O amigo Miltinho de Carvalho, da Coluna Sertaneja, comentou que teve o prazer de conviver e participar de bons momentos com esse ser maravilhoso, durante vários anos.
O produtor musical da dupla comentou que muita gente imaginava que os dois eram irmãos, mas eram apenas amigos. “O mundo sertanejo está muito triste, perdemos um grande ser humano, humilde, uma boa pessoa um grande amigo”. Só temos coisas boas para dizer de você. Você partiu, nós ficamos. A vida aqui na terra é simplesmente uma passagem e estamos aqui para aprender. “Vamos sentir muita saudade. Mas vamos continuar orando e pedindo para Deus nos dar força e coragem para toda a sua família e amigos a fim de confortar os nossos corações”.
Pedro Bento nasceu no ano de 1934 e faleceu dia 4 de janeiro de 2019, com 84 anos, em São Caetano do Sul.

47 recommended
comments icon 0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *