1 de Dezembro de 2020

Dólar

Euro

Notícias

Jornal Primeira Página > Notícias > A crise silenciosa e a economia no Brasil

A crise silenciosa e a economia no Brasil

12 de Julho de 2017 às 09:46 Publicado por: Redação
A crise silenciosa e a economia no Brasil

Estamos vivenciando na  atualidade uma crise financeira e  econômica muito preocupante, pois desde janeiro de 2017, a coisa piorou bastante em relação ao custo de vida. Temos aumento de todos os produtos de primeira necessidade e os qualificados como supérfluos, porém, fazendo parte do padrão cotidiano da maioria das pessoas. Evidencia-se uma situação caótica no mercado econômico brasileiro, indústrias ofertando férias coletivas, o  recrudescimento do desemprego, obviamente, incidirá como consequencia, o aumento da  informalidade. No comércio, com a queda de vendas das lojas  varejistas, verificando nas datas comerciais: páscoa, dias das mães, dia dos  namorados, etc., ao que parece não foram profícuas, deixando no tocante as vendas a desejar. Mas, o porquê disso estar ocorrendo? O cidadão está com receio e, destarte, cauteloso nos gastos, comprando apenas o que  necessita, fazendo economia até nos gêneros de primeira necessidade, quanto mais, no que antes adquiria de extravagante, ou seja, aquilo que poderia ser  prescindido. Cada vez mais, o poder aquisitivo do brasileiro, move-se à uma posição menos elevada, de forma  gradativa e, em silêncio, contrastando com os altos preços daquilo que necessita, sendo esse um dos fatores predominantes da crise. Com esse conjunto de ações deletérias, análogo a uma cadeia de sujeição,  proliferando a  inadimplência econômica. Poderia evitar-se essa situação, se não houvesse os desvios pecuniários, dos quais tomamos conhecimento através da mídia falada, televisiva e escrita, tornando público as investigações das CPIs.,  da Polícia Federal e a atuação do Ministério Público. Jamais se ouviu falar em corrupção, recebimentos de propinas, lavagem de dinheiro, “rombos” e muito dinheiro público desviado aos paraísos fiscais em outros países. Vemos o que está ocorrendo na Grécia. Espero estar equivocado, mas não tenho boas perspectivas para o 2º semestre vindouro e o ano de 2018. Lamentavelmente!  Oxalá esteja enganado. 

Antonio Edison Francelin

Delegado de Polícia aposentado

[email protected]

 

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x