Amaro Junior

3 Perguntas para…


Em tempos de distanciamento social, Italinho Cardinali, Carol Spósito, Alessandra Merege Paulillo e Maíra Luciano  Carmassi estreiam a nossa série de pequenas entrevistas semanais para nossa coluna no Jornal Primeira Página.
Maíra Luciano Carmassi
1- Como você enxerga o futuro da fisioterapia pós pandemia?
O Isolamento social é a única forma de diminuir o número de contágios e mortes por covid 19.
Muitas das pessoas que podem ficar em casa para cuidar da sua saúde e de seus familiares, perceberam os efeitos deletérios do corpo que está sedentário.
Nesses últimos dias, pessoas de todas as idades e até mesmo jovens me procuraram com queixas de dores nas costas, pernas cansada e falta de disposição para realizar até mesmo as atividades de vida diária.
O corpo não foi feito para ficar parado. Acredito que no futuro próximo, as pessoas procurem a fisioterapia não só como parte de um tratamento médico mas como parte essencial da boa qualidade de vida.
2- O que você sempre quis fazer e só agora na quarentena conseguiu encontrar tempo?
Esquecer do relógio me fez cuidar da casa com mais paciência e cozinhar com mais capricho o que é muito bom.
Por causa da quarentena tive tempo de estudar algumas coisas que tinha vontade.
3- Com qual saldo positivo você vai sair dessa fase de quarentena?
Vou sair valorizando mais as confraternizações. Desde o simples almoço com os pais até os eventos maiores onde encontramos amigos que não vemos sempre.
Alessandra Merege Paulillo
1- Como você enxerga o futuro do mercado da moda pós pandemia?
Acredito que as redes sociais e a internet influenciarão cada vez mais este mercado. Mas acredito também que a compra no mercado da moda vai muito além da compra do produto. Envolve um evento, um passeio, uma satisfação em provar diversos modelos, conversar, tomar um café, distrair da correria do dia a dia. Grande parte dos clientes sentem prazer em estar presencialmente na loja.
2- O que você sempre quis fazer e só agora na quarentena conseguiu encontrar tempo?
Para ser bem sincera estou trabalhando muito mais que antes, para buscar ações, soluções e parcerias para a loja. Mas uma coisa que sempre quis fazer e agora a situação me fez fazer, foi profissionalizar as nossas redes sociais.
3- Com qual saldo positivo você vai sair dessa fase de quarentena?
Uma analogia que uso nesta crise é que assim como na fórmula 1, houve um incidente e o Safety Car entrou na pista…. Não sabemos ao certo quanto tempo ele ficará ali, mas ele está mantendo todos na mesma velocidade. Precisamos então tomar diversas decisões neste curto período, como abastecer, trocar os pneus, analisar desempenhos, para estarmos superpreparados para a relargada assim que o Safety Car sair da pista, acelerando à frente dos concorrentes.
Desta forma, se aproveitarmos este momento para nos desenvolvermos pessoalmente e profissionalmente, sairemos muito mais preparados desta situação.
Italinho Cardinali
1- Como você enxerga o futuro do mercado imobiliário pós pandemia?
Já vínhamos com a tendência de digitalização e agora isso, mais do que nunca isso se comprovou então realmente essa é uma tendência que veio para ficar todas as mídias digitais e sociais no mercado imobiliário muito forte.
2- O que você sempre quis fazer e só agora na quarentena conseguiu encontrar tempo?
Curtir minha casa do Broa meu jardim com a minha família e meus cachorros eu já faço agora estou fazendo mais ainda.
3- Com qual saldo positivo você vai sair dessa fase de quarentena?
É ter a certeza e comprovar que você tem uma equipe maravilhosa que trabalha por você, pela empresa e para o conjunto. Reflexão, muito pensamento positivo e aprendi também a conviver com o problema e ter paciência para isso, pois somos todos reféns da mesma situação.
Carol Spósito
1- Como você enxerga o futuro do mercado de festa pós pandemia?
Acredito que depois de um longo período de isolamento social, as pessoas mais do que nunca, estarão com vontade de festejar, abraçar, rir, chorar e brindar à vida! Então, estou muito, muito otimista mesmo, e preparada para realizar muitos sonhos, unir muitas famílias e organizar festas incríveis, no The Palace!
2- O que você sempre quis fazer e só agora na quarentena conseguiu encontrar tempo?
Comecei a praticar yoga através de vídeos, e já estou apaixonada, e confesso que está me ajudando muito durante a quarentena.
3- Com qual saldo positivo você vai sair dessa fase de quarentena?
Meu propósito de vida, é unir as pessoas e contribuir para formar novas famílias. Este período diferente e estranho que estamos vivendo, está me fazendo refletir sobre o quanto devo ser grata a Deus, por tudo que Ele, tem me dado, sobre ter fé e empatia, sobre o amor, sobre ser resiliente e manter a calma, sobre valorizar coisas pequenas do dia a dia, e me fez pensar muito sobre a base de tudo que é a família, e a vida agora, passa a ser vista e vivida de uma maneira muito mais positiva e gostosa, e a palavra família se torna ainda mais forte para mim.

comments icon0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com