Cidades

11.500 doses da vacina contra a gripe são aplicadas em São Carlos em menos de 48 horas


Novas doses já foram encaminhadas pelo Governo do Estado

São Carlos registrou uma procura recorde pela vacina contra gripe desde início da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe que teve início em todo país nesta última segunda-feira (23). Em menos de 48h foram aplicadas 11.500 doses e com isso o estoque inicial enviado pelo Governo do Estado de São Paulo terminou. Outras 11 mil doses estarão disponíveis a partir desta quarta-feira (25) nas unidades de saúde do município.
A meta é vacinar 90% do público alvo em São Carlos, o que corresponde a 29.261 pessoas idosos. Em 2019 foram aplicadas 52.135 doses da vacina na cidade, o que correspondeu a uma cobertura vacinal de 65,16% do público alvo. Depois do encerramento da Campanha, quando o Ministério da Saúde liberou a vacina para o público em geral, foram aplicadas mais de 20 mil doses, aumentando a cobertura vacinal para 81,67%.
“A procura foi muito grande. Nas campanhas anteriores tínhamos que fazer várias chamadas para que os idosos procurassem a rede para ser imunizados, mas esse ano devido a pandemia do novo coronavírus, muitos nos procuraram porque acreditam que vacina protege também contra a COVID-19”, explica Denise Braga, do Departamento de Gestão e Cuidado Ambulatorial da Secretaria Municipal de Saúde.
A diretora disse que foi montando na última segunda-feira (23), um sistema de agendamento por telefone para que as pessoas pudessem ser vacinadas no domicílio em virtude da orientação das autoridades para permanecerem em isolamento social.
“Disponibilizamos 6 números de telefones mesmo assim o congestionamento das linhas foi inevitável. As equipes passaram o dia vacinando. Nesta terça disponibilizamos quatro unidades para o atendimento pelo sistema Drive Thru, mesmo assim em algumas unidades os idosos que não possuem carros começaram se aglomerar, fizemos o distanciamento de segurança e todos ficaram fora das unidades, porém no final da manhã a vacina terminou, fechando 11.500 doses aplicadas, mesmo assim ocorreu tumulto”, conta ”, explicou a diretora do DGCA.
Por esse motivo a partir desta quarta-feira (25) a Secretaria de determinou que todas as unidades de saúde vão aplicar a vacina nos idosos. Considerando que cada unidade tem uma estrutura diferente as equipes vão se organizar da melhor maneira para atendimento à população, com distância de segurança para evitar qualquer tipo de contágio.
As unidades básicas de saúde da Redenção, Vila são José, Santa Felícia, Cidade Aracy e Vila Isabel, além da vacinação presencial com distanciamento de segurança, também realizarão a vacinação pelo sistema Drive Thru com apoio dos agentes de trânsito.
O Disk Vacina continua atendendo pelos telefones 3368-2044, 3368-5593, 3362-1350, 3372-6592 ou 99754-1585, porém a partir desta quarta-feira (25) vai priorizar o agendamento de idosos acamados.
Já as 22 equipes da saúde da família continuam vacinando os idosos cadastrados no programa no domicilio. Quem é cadastrado em umas das Unidades de Saúde da Família não precisa ligar para fazer o agendamento, já que nesse caso quem liga avisando que vai até a residência fazer a vacina é o agente de saúde de cada território.
“A nossa recomendação continua a mesma, ou seja, não precisa aglomeração nas unidades de saúde, todos serão vacinados. Também ressaltamos que a vacinação das crianças está suspensa até dia 15 de abril, para dar prioridade aos idosos e profissionais da saúde. Mas a vacina contra a gripe não evita a COVID-19”, finaliza Denise Braga, lembrando que diariamente a Secretaria de Saúde vai avaliar as estratégias adotadas, que poderão ser alteradas, se necessário, para evitar aglomerações e oferecer a vacina a população de risco”, finaliza Denise Braga.
Confira o calendário da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe definido pelo Ministério da Saúde:
23 de março: início da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe. Pessoas com mais de 60 anos e trabalhadores da área da saúde podem tomar a dose.
A partir do dia 16 de abril: o público-alvo é ampliado para professores, profissionais das forças de segurança e salvamento e pacientes com doenças crônicas (hipertensão, diabetes, asma, entre outras).
A partir do dia 9 de maio: crianças de 6 meses a menores de 6 anos incompletos, pessoas entre 55 e 60 anos incompletos, gestantes, puérperas e indígenas começam a receber a vacina.
O Dia D acontecerá no 9 de maio. É um sábado onde postos de saúde oferecerão o imunizante para todo o público-alvo, no Brasil inteiro.

comments icon0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com