2 de Agosto de 2021

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > A devoção ao sagrado coração de Jesus

A devoção ao sagrado coração de Jesus

Na sexta-feira dia 11 de junho, celebrou-se a Solenidade do Sagrado Coração de Jesus

13/06/2021 08h27 - Atualizado há 2 meses Publicado por: Redação
A devoção ao sagrado coração de Jesus Foto: Divulgação

Esta festa acontece sempre na sexta-feira da semana seguinte à Festa de Corpus Christi.

“Eis aqui o coração que tanto amou os homens, até se esgotar e consumir para testemunhar-lhes seu amor e, em troca, não recebe da maior parte, senão ingratidões”.

O coração é uma das maneiras encontradas para falar do infinito amor de Deus pelos homens e este amor tem o ápice com a vinda de Jesus.

Mais do que o órgão vital, a devoção deve ser encarada como uma extensão da vontade e do propósito humano. É por ele que se expressa à santidade humana, à vontade, a alma e os pensamentos.

O coração é o símbolo que melhor demonstra a união de todos os sentimentos de uma pessoa. É nele que são guardados os desejos e os anseios mais sinceros e é por meio dele que são demonstrados os sentimentos.

A história desta Santa devoção

A devoção ao Coração de Jesus é expressão de Santa Margarida Maria Alacoque, uma monja do Mosteiro da Visitação, na França, que teve experiências místicas entre os anos de 1673 e 1675.

Jesus lhe apareceu três vezes e, em uma das ocasiões disse: “Vede Margarida, o coração que tanto amou o mundo e que recebe tanto desprezo”. A partir daí a monja se encarregou de divulgar os desejos do Coração de Jesus.

Segundo a monja, as principais formas de devoção são a “Hora de presença” e “as 12 promessas do Sagrado Coração de Jesus”.

Dentre as promessas está “a primeira sexta-feira”, que é a mais conhecida na Igreja, com a adoração ao Santíssimo Sacramento, à bênção do Santíssimo, a confissão e comunhão reparadora nas primeiras sextas-feiras de cada mês.

Também há a “entronização da imagem do Sagrado Coração de Jesus e do Imaculado Coração de Maria” nas casas, ou seja, a consagração das famílias ao Coração de Jesus.

Leão XIII consagrou o mundo ao Sagrado Coração de Jesus e o Papa Pio XIII recomendou essa devoção que nos leva ao encontro do coração Eucarístico de Jesus.

As 12 promessas do Sagrado Coração de Jesus a Santa Margarida Maria Alacoque

1° Promessa: “A minha bênção permanecerá sobre as casas em que se achar exposta e venerada a imagem de Meu Sagrado Coração”;
2° Promessa: “Eu darei aos devotos de Meu Coração todas as graças necessárias a seu estado”;
3° Promessa: “Estabelecerei e conservarei a paz em suas famílias”;
4° Promessa: “Eu os consolarei em todas as suas aflições”;
5° Promessa: “Serei refúgio seguro na vida e principalmente na hora da morte”.
6° Promessa: “Lançarei bênçãos abundantes sobre os seus trabalhos e empreendimentos”;
7° Promessa: “Os pecadores encontrarão, em meu Coração, fonte inesgotável de misericórdias”;
8° Promessa: “As almas tíbias tornar-se-ão fervorosas pela prática dessa devoção”;
9° Promessa: “As almas fervorosas subirão, em pouco tempo, a uma alta perfeição”;
10° Promessa: “Darei aos sacerdotes que praticarem especialmente essa devoção o poder de tocar os corações mais endurecidos”;
11° Promessa: “As pessoas que propagarem esta devoção terão o seu nome inscrito para sempre no Meu Coração”;
12° Promessa: “A todos os que comunguem, nas primeiras sextas-feiras de nove meses consecutivos, darei a graça da perseverança final e da salvação eterna”.

O Apostolado de Oração

Em 1849, o Papa Pio IX aprovou o Movimento do Apostolado de Oração, que traduz a devoção ao Coração de Jesus, e nasceu para sustentar a missão da Igreja com a oração.

Deus abençoe você

Gisele Botêga

Missão consagra-te.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x