7 de Dezembro de 2021

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Araraquara fica na frente de São Carlos no índice FIRJAN

Araraquara fica na frente de São Carlos no índice FIRJAN

07/11/2011 17h43 - Atualizado há 10 anos Publicado por: Redação
Araraquara fica na frente de São Carlos no índice FIRJAN

Divulgado nesta segunda-feira (7) o Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal (IFDM) mostra que São Carlos um alto grau de desenvolvimento nos setores medidos pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro. Em todos os índices (Educação, Saúde e Emprego) a cidade aparece com índices superiores a 0.8 pontos. Porém a cidade vizinha de Araraquara está acima de São Carlos em todos os níveis, conforme os gráficos apresentados abaixo. O índice vai de 0 a 1 ponto.

Índice FIRJAN São Carlos data base 2009

Indice FIRJAM São Carlos – Base 2009

Em educação São Carlos apresenta o seu melhor desempenho, com 0,9525 pontos. Araraquara foi avaliada em 0,96. No índice saúde a cidade apresentou 0,9155 pontos contra 0,9207 da vizinha Araraquara.

A pior avaliação esta em Emprego e Renda, com 0,8030 pontos. Araraquara foi avaliada em 0,9035, ou seja, 0,10 pontos a mais do que São Carlos.

Pelo segundo ano consecutivo a cidade de Araraquara é mais bem avaliada pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro.

Índice FIRJAN Araraquara - base 2009

Indice FIRJAM Araraquara – Base 2009

 

ÍNDICE – O Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal (IFDM), criado pelo Sistema FIRJAN para acompanhar a evolução dos 5.564 municípios brasileiros e o resultado da gestão das prefeituras, revelou nos dados de 2009 que o país tem 62,9% de cidades com desenvolvimento de moderado a alto; que o Centro-Oeste está bem próximo do patamar do Sudeste; e que o Norte e o Nordeste vão demorar, respectivamente, 20 e 10 anos para chegar à condição das regiões mais desenvolvidas. 
 

A expectativa é que só em 2037 os municípios do país garantam à população brasileira atendimento básico de saúde, ensino fundamental de qualidade e maior inserção no mercado formal de trabalho. 
 

Com periodicidade anual, recorte municipal e abrangência nacional, o IFDM considera três áreas de desenvolvimento – Emprego & Renda, Educação e Saúde – baseado em dados declarados pelas próprias prefeituras ao Governo Federal. As estatísticas oficiais mais recentes que estão disponíveis são de 2009. 
 
O estudo começou em 2008, comparando os anos de 2005 e 2000, e permite determinar com precisão se a melhora ocorrida em determinado município foi decorrente de medidas políticas ou apenas o reflexo da queda de outro município. O índice varia de 0 (mínimo) a 1 (máximo) para classificar o nível de cada localidade. Os critérios de análise estabelecem quatro categorias: baixo (de 0 a 0,4), regular (0,4001 a 0,6), moderado (de 0,6001 a 0,8) e alto (0,8001 a 1) desenvolvimento. 
   

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
3 Comentários
Mais antigas
Mais novos Mais Votados
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
EU DA SILVA
EU DA SILVA
10 anos atrás

TODO MUNDO SABE QUE ARARAQUARA É BEM MELHOR PARA VIVER DO QUE SÃO CARLOS.
CIDADEZINHA RUIM…. SÓ TEM BURACOS E LADRÕES….

Mateus Solano
Mateus Solano
10 anos atrás

Tá vendo a cidade vizinha é melhor que a nossa. quase em tudo. Sabe porque? Porque lá os políticos levam a Araraquara a sério

Silvio Andrade Crestana
Silvio Andrade Crestana
10 anos atrás

Parabéns ao pessoal do site. O site é mais crítico e bem melhor do que o jornal. Aqui no site vocês mostram as reportagens de uma outra maneira. Olha só a diferença entre esta reportagem do Firjan para com o que o jornal apresentou. Está melhor aqui e mais esclarecedora.
Parabéns

0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x