8 de Dezembro de 2021

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Barba anuncia investimento de R$ 8 milhões e 50 empregos

Barba anuncia investimento de R$ 8 milhões e 50 empregos

26/10/2011 10h00 - Atualizado há 10 anos Publicado por: Redação
Barba anuncia investimento de R$ 8 milhões e 50 empregos
O prefeito Oswaldo Barba anunciou na noite de ontem, durante a abertura da 4ª Mostra de Ciência e Tecnologia em Políticas Públicas Municipais, no Pavilhão São Carlos Exposhow, um investimento de até R$ 8 milhões que gerará de imediato 50 empregos e poderá chegar a 500 em três anos. O investimento para até 2014 é deverá ser de R$ 25 milhões.  A nova empresa fabricará aviões não tripulados para agricultura, segurança pública, defesa e meio ambiente.

“A transferência será integral e isso consolida ainda mais o pólo aeronáutico de São Carlos. Nos últimos tempos temos tido boas novas para o setor aeronáutico do município, sejam obras estruturais, geração de empregos, novas empresas ou novos cursos referentes ao setor, tanto nas universidades como nas escolas técnicas”, revelou o prefeito.

A empresa XMobots estava instalada no Centro de Inovação, Empreendedorismo e Tecnologia (Cietec), a incubadora de empresas de tecnologia da USP São Paulo. Com a vinda para o interior de SP, São Carlos passará a contar com duas empresas de vanguarda na área de produção de Vants, uma vez que a AGX Tecnologia foi criada e tem sede na cidade desde 2002. As duas empresas anunciaram inclusive, no último mês de abril, a fusão de suas áreas de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D). “Isso irá alavancar, na verdade, a criação de uma terceira empresa”, adianta Adriano Kancelkis, diretor-presidente da AGX.

 Segundo Marcos Alberto Martinelli, secretário municipal de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia, receber uma segunda empresa de aviões não tripulados e com a perspectiva imediata da criação de uma terceira, comprova que a política de atração de empresas da administração pública de São Carlos caminha na linha certa. “Hoje o ambiente para São Carlos receber empresas é o mais promissor possível. Quando o setor em jogo é tecnologia então, temos diferenciais para oferecer aos empresários e industriais que poucas cidades brasileiras ou mesmo na América Latina dispõem”, compara Martinelli.

 MERCOSUL – Barba ressaltou que através da Mostra, o Mercosul e o Brasil vão conhecer um pouco do modelo de desenvolvimento de São Carlos. “Assim podem tomar contato com a tecnologia aplicada no município. E eles, do Uruguai e Argentina, também apresentarão as suas tecnologias, com soluções para seus problemas. Assim, haverá uma troca e uma ampliação de parcerias entre os países, o que é muito importante”.

Barba afirma que comandou recentemente uma comitiva de empresários são-carlenses à Argentina. “Deste contato já surgiram parcerias entre empresários locais e argentinos. Esperamos nesta Mostra um grande número de pessoas, pois temos a exposição, um seminário  internacional e a Feira do Conhecimento que envolve as escolas de São Carlos”.

O deputado federal Newton Lima (PT) enfatizou o título de Capital da Tecnologia referendado pela presidente da República, Dilma Rousseff. “O objetivo da Mostra sempre foi mostrar que o conhecimento não deve estar somente a serviço das linhas de produção das grandes empresas e das médias ou pequenas empresas. Somente isso já seria valioso, pois agrega valor e aumenta a competitividade do Brasil no mercado internacional. Mas é importante também que o conhecimento ajude na melhoria da qualidade de vida das pessoas”.

Para Newton, o município deu um salto de qualidade quando buscou a integração com o bloco econômico do qual o Brasil faz parte para a troca de conhecimento.  “Começamos a promover isso em São Carlos quando começamos a mostrar ao Mercosul, a produção que as universidades põem à disposição das cidades. Fizemos quase 200 projetos com o setor de conhecimento das universidades e das Embrapas. Na Argentina e no Uruguai, os intendentes também pensam assim.  Ganha a universidade ao se envolver com políticas públicas, pois alunos aprendem, e ganha a população com soluções tecnológicas e científicas e de baixíssimo custo que melhoram a qualidade de vida da população. Fico muito feliz pelo prefeito Barba dar sequência a este trabalho. Este casamento da academia com as cidades do Mercosul veio para ficar”.

A Feira do conhecimento é um dos eventos de destaque na Mostra.  “Toda vez que você mostra ciência de uma maneira lúdica, você incentiva as crianças a gostarem do conhecimento e da tecnologia. Há um despertar da curiosidade científica, assim como nasce um profissional de um pesquisador. Crianças que fizeram suas feirinhas escolares, agora vão conhecer esta mostra, que é outra experiência fantástica para eles”, afirma o secretário municipal de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia, Marcos Alberto Martinelli.

 O vice-prefeito Emerson Leal afirma que a Mostra é mais um avanço do governo municipal. “Quando fui secretário de Ciência e Tecnologia tive o prazer de coordenar a segunda Mostra de Tecnologia em Políticas Públicas Municipais e também estive em Montevidéu, na terceira versão da Mostra. Agora, a Mostra conta com a participação de países do Mercosul e esta troca de experiências é muito importante”.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x