10 de Abril de 2021

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Edinho dialoga com representante da OPAS/OMS

Edinho dialoga com representante da OPAS/OMS

Ho Yeh Li, coordenadora da UTI Covid do HC de São Paulo, tem colaborado com município no planejamento das ações contra doença

06/03/2021 12h20 - Atualizado há 1 mês Publicado por: Redação
Edinho dialoga com representante da OPAS/OMS Foto: Divulgação / Prefeitura Municipal de Araraquara (SP)

O prefeito Edinho Silva (PT) e autoridades de saúde do município participaram, na quarta-feira (3), de reunião online com a médica infectologista Ho Yeh Li, coordenadora da UTI Covid do Hospital das Clínicas de São Paulo e consultora nacional para Covid da OPAS (Organização Pan-Americana da Saúde), órgão vinculado à OMS (Organização Mundial da Saúde).

“A Dra. Ho tem sido fundamental na orientação técnica para nossas autoridades de saúde em relação à estruturação das unidades de atendimento e dos hospitais no enfrentamento da pandemia da Covid-19”, explicou o prefeito.

“O cenário da pandemia, com a nova cepa, é muito preocupante no estado e em todo o Brasil. Estamos em um desafio imenso para continuarmos ampliando leitos de UTI e enfermaria e diminuirmos a curva de contaminação. É hora de muita união de todos para superarmos este momento difícil da nossa história”, concluiu Edinho.

Participaram da reunião, virtualmente, a secretária municipal de Saúde, Eliana Honain, e a diretora do HEAB (Hospital Estadual de Américo Brasiliense), Maísa Salvetti.

Presencialmente, com Edinho, estiveram o chefe de gabinete, Alan Silva; a secretária de Governo, Planejamento e Finanças, Juliana Agatte; a coordenadora de Atenção Básica, Talitha Martins; a diretora executiva da Fungota, Lúcia Ortiz; a diretora administrativa da Fungota, Joice Nogueira; a diretora técnica da Fungota, Emanuelle Laurenti; a coordenadora extraordinária de Ações de Combate à Covid-19, Fabiana Araújo; e o coordenador da UTI do Hospital da Solidariedade (hospital de campanha), Marden Amaral.

NÚMEROS – Araraquara registrou nesta quinta-feira, dia 4 de março, mais 80 casos positivos de Coronavírus, o equivalente a 23% de 351 amostras analisadas na Unesp e na UPA da Vila Xavier. Além destes, mais 36 foram positivados em laboratórios da rede complementar particular, totalizando 116 novos casos. Portanto, agora são 15.085 casos em Araraquara.

Do total de confirmados, 1.019 permanecem em quarentena e 13.841 já saíram. Aguardam resultado de exames 498 amostras.

Nesta quinta, 218 pacientes estavam internados. Destes, 144 estão em enfermaria – 4 suspeitos e 140 confirmados. E 74 casos estão na UTI – 2 suspeitos e 72 confirmados. Do total de 218 internados, 180 são moradores de Araraquara e 38 são de outros municípios e foram transferidos para hospitais da cidade.

Com relação às internações nos serviços hospitalares que disponibilizam leitos para Covid-19 (públicos e privados), a cidade conta hoje com uma taxa de ocupação de 94% de leitos de enfermaria e 91% de UTI.

A Santa Casa de Araraquara tinha 18 pacientes internados com Covid-19, a Unidade de Retaguarda do Melhado tem 36 pacientes e o Hospital de Campanha tem 46 pacientes.

Foram notificados, até quinta, 225 óbitos decorrentes de Coronavírus.

O óbito mais recente é de uma mulher de 66 anos, sem comorbidades, que estava internada em hospital da rede pública desde o dia 16 de fevereiro.

Todos os positivados, assim como seus comunicantes, estão sendo monitorados pelas equipes da Secretaria Municipal da Saúde. O objetivo é orientar e cobrar o cumprimento da quarentena.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x