26 de Maio de 2022

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > ESPECIAL SÃO CARLOS: Mais de um século de atividades comerciais

ESPECIAL SÃO CARLOS: Mais de um século de atividades comerciais

04/11/2011 15h00 - Atualizado há 11 anos Publicado por: Redação
ESPECIAL SÃO CARLOS: Mais de um século de atividades comerciais

São Carlos começou como referência agrícola depois apareceu as atividades industriais e, quase ao mesmo tempo, as comerciais também. Aqui na cidade, de acordo com o Registro de Negociantes e Industriais nº 1 de 1901, da Fundação Pró – Memória,  a primeira atividade varejista, ainda em funcionamento, corresponde as empresas de Gaspar Gualtieri.

Gaspar Gualtieri veio da região sul da Itália em 1895 para São Carlos, a fim de trabalhar na lavoura. Em 1901, iniciou um pequeno comércio, um armazém que levou o seu sobrenome. Hoje em dia a “Gualtieri & Firma Comercial” é dirigida pelo neto de Gaspar, Irineu Gualtieri.

Relembrando todo o trabalho duro do seu avô e de seus tios, Irineu nos relata sobre a diferença do comércio daquela época pros dias de hoje. “São várias coisas que mudam, dentre elas 2 são as mais importantes: A evolução do poder de compra e o acesso as áreas internas através da internet, e, além disso, hoje você tem de ser extremamente eficiente, devido a alta concorrência, o que não se via àquela época”, observa.

“As pessoas que receberam essa oportunidade de continuidade ao que a família já produziu, deve-se preservar, acima de tudo, o nome”, diz Gualtieri sobre o fato de manter a tradição preservada, onde não são todos que tem essa mesma percepção.

Irineu que trabalhou aqui em São Carlos na “Casa 2 Irmãos”, mas em 1958 parou e saiu para as atividades na Usina Açucareira da Serra, em Ibaté, dá as dicas para o sucesso. “O comerciante tem que entender que o cliente é seu maior patrimônio, o trabalho duro, sem regalias, e um senso de economia, ajudam no empreendedorismo”.

Ele ainda lembra-se de outra família, muito tradicional na cidade. “Aqui em São Carlos, também há a família Gullo, que também ajudou a construir a história dessa cidade”, complementa.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x