Cidades

Esporte exige estratégia e companheirismo do time


Há 3 anos, um grupo de amigos interessados em praticar o jogo de rugby de maneira mais séria, decidiu fundar a Associação Atlética Companhia Paulista de Rugby em Itirapina que hoje reúne jogadores de 13 a 36 anos, sendo a maioria na faixa etária dos 20.

Victor Hugo Barboza, jogador e atual presidente da associação, conta que optou pelo rugby por se interessar mais em sua prática do que a encontrada em outros esportes. “Às vezes, ninguém entende nada, pensa que machuca, mas quando joga pela primeira vez, é apaixonante, você nunca mais quer parar de jogar, treinar e assistir aos jogos”, comenta. “Se eu tivesse conhecido antes, com certeza eu já teria começado a jogar desde criança, pois quanto mais cedo se começa a praticar, maiores são as oportunidades dentro do esporte”, acrescenta.

O jogador explica que o rugby, diferente do que todos imaginam, é um jogo totalmente diferente do futebol americano. “O futebol americano é uma variante do rugby com uma série de regras adaptada ao jogo inventado nos Estados Unidos. O rugby possui duas modalidades, uma com mais jogadores e outra com menos”, explica Victor.

A associação, através de contribuições do próprio time e da população, mantém a equipe e realiza investimentos em materiais esportivos, viagens e cursos. “Essa verba não é suficiente para cobrir todos os gastos, pois jogamos bastante fora da cidade devido à falta de um campo aqui. Procuramos fazer rifas, vender camisetas do time, entre outras ações para arrecadar fundos”, comenta o jogador.

Desde a formação da equipe, o grupo espera que a Prefeitura Municipal de Itirapina possa ajudar com um espaço para aulas teóricas e uma quadra para atividades físicas, que ainda não foram cedidos. “Temos muitas dificuldades, pois na prática não temos os mesmos direitos que o pessoal do futebol. Esperamos que este ano a prefeitura possa nos incluir nos jogos regionais, pois estamos com um time bem formado para disputar esse campeonato”, explica Victor.

O último jogo da equipe de Itirapina aconteceu no último final de semana de fevereiro contra a equipe de base de Araraquara. “Foi um ótimo jogo para analisarmos, o que precisa ser melhorado para o time poder crescer. O placar foi favorável a nossa equipe, porém com muita dificuldade devido à grande qualidade técnica do adversário”, comenta Victor.

Já o próximo jogo está agendado para o dia 24 de março, em Araras. “Jogaremos contra os Espartas, uma excelente equipe, principalmente na categoria de base em que houve jogadores disputando vagas na seleção”, comenta o jogador.

comments icon0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *