ITIRAPINA – ‘José Cruz’ promove arte, cultura e educação

17 de dezembro de 2011


Durante o ano letivo de 2011, a Emef José Cruz, dirigida pela professora Valéria Maria Feltrin Sanches, realizou diversas atividades que envolveram os alunos, pais e comunidade, na integração entre educação, arte e cultura. Com projetos próprios de acordo com a clientela escolar, a escola trabalhou o ano todo promovendo ações onde os alunos participavam ativamente das atividades, e ao final de cada projeto, expunham os materiais confeccionados, ou o produto final de cada tema gerador.

Desde as aulas de inglês, com a exposição de árvores com nomes de plantas e flores, teatro “A formiguinha e a neve”, até painéis com releitura de obras famosas de Portinari, e contos de literatura infantil, estiveram presentes durante todo o ano por toda a escola, onde cada professor expunha o material executado por seu grupo de alunos, incentivando-os a participarem cada vez mais das atividades propostas.

A unidade escolar, que atende alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental, busca sempre parceria entre a família, comunidade, equipe escolar, e alunos, para que o processo ensino aprendizagem seja cada vez mais dinâmico, pois segundo a diretora, “é a escola dinâmica e aberta, que atrai os alunos para a aprendizagem e os seduzem para participar das ações propostas”.

No ritmo do encerramento do ano letivo de 2011, diversas atividades foram realizadas entre elas o Sarau de Poesia, pela professora Adriana Bernadete Corrêa, com alunos do 2º ano, e o teatro pela Professora Dioclécia do Prado, com alunos do 4º ano. Essas duas apresentações encerraram as atividades, e mostraram que os alunos se engajam e ficam realizados com atividades artísticas culturais, mostrando que a educação tem que ser abrangente e diversificada.

Muitas obras da literatura infantil também foram desenvolvidas pelos professores, no Projeto de leitura, abrangendo entre outras coisas, o tema “Africanidade”, “Diversidade Cultural” e “Inclusão”, pois através da literatura infantil os alunos se sensibilizaram e mostraram que fazer uma escola aberta e inclusiva depende de todos.

Os alunos da professora Michelle Cristina Favoretti tiveram suas poesias e histórias publicadas em um livro: “Uma história entre outras histórias”, registrando todo trabalho desenvolvido de escrita e leitura pelos alunos do 5º ano D, durante o ano letivo, com textos e frases dos alunos sobre o que mais foi significativo em 2011. Segundo o aluno João Pedro Chiari Rubio, “Neste ano aprendi a brincar com gente diferente”.

 

comments icon 0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *