26 de Maio de 2022

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Movimento aumenta 40% no fim de ano

Movimento aumenta 40% no fim de ano

09/12/2011 08h10 - Atualizado há 10 anos Publicado por: Redação
Movimento aumenta 40% no fim de ano

É comum nessa época do ano as pessoas buscarem a confraternização. O espirito natalino faz com que as pessoas busquem cada vez mais oportunidades de estarem próximas aos amigos. Com isso, cresce o movimento nas churrascarias, lugar escolhido na maioria das vezes para abrigar as comemorações, cerca de 40%. Mas também há de se tomar cuidado com o chamado, período dos excessos.

De acordo com o dicionário, a definição para confraternização é reunião de amigos, convívio. Isso somado com o espírito natalino é o que motiva as festas de fim do ano, e que alavancam o movimentam de churrascarias de toda a cidade.

Segundo Anderson Luiz de Carvalho, diretor da Churrascaria Trevo de São Carlos, revelou que essa época do ano é mesmo a de maior circulação de pessoas pelo estabelecimento. “O aumento é de aproximadamente 40%. Pra ter ideia, neste mês, temos 80% da churrascaria com reservas”, afirma.

Carvalho relata também que, esse aumento na demanda devido ao clima festivo das pessoas, exige também uma preparação maior dos estabelecimentos. “No nosso caso, fazemos contratações temporárias, principalmente de garçons, para atender bem a todos”.

Para o dirigente, um dos problemas que essas épocas acarretam, é no excesso, tanto no consumo de alimentos quanto de bebidas. “Isso é uma característica do fim de ano, o excesso. As pessoas tem que entender que ir em um restaurante confraternizar não é apenas comer e beber demais, e sim ter o prazer de estar junto de quem gostamos”, finaliza.

Opinião compartilhada pela técnica em nutrição Fabiana Chabaribery. “O Natal reserva, além das comemorações e alegria, alimentos que são, na maioria das vezes, extremamente calóricos e gordurosos. Mas com um pouco de controle e sabedoria, podemos fazer substituições saborosas, sem abrir mão do que está sendo servido”.

O uso do bom senso ainda é a melhor decisão a ser tomada, inclusive à mesa. Se ingeridos de forma controlada, nenhum alimento precisará ser eliminado. “Não fique sem comer o dia todo esperando a hora da ceia. Com fome e mau humor, você pode abusar e comer além do que deveria”.

Para Fabiana, o segredo de uma festa de sucesso é se concentrar no verdadeiro sentido da comemoração. “Não tenha a sensação de que você só comemorará as festas de fim de ano se tiver muita fartura alimentar e de bebidas. O verdadeiro sentido destas festas está na partilha, encontro com amigos, familiares e reflexões sobre nossas atitudes. “Sair da linha” é normal, o que não pode é deixar que esta escapada prejudique a saúde”, diz a especialista.

Ela finaliza trazendo dicas para evitar os abusos. “Preferir carnes magras e encher o cardápio com saladas verdes e legumes é interessante, em especial para gestantes. Fugir das carnes suínas e não ingerir peles auxiliam na gestação saudável. Para beber, a técnica diz que servir sucos de frutas variados ao invés de refrigerantes, cervejas e cocktails de frutas são outras sugestões e alternativas simples, mas que adicionam requinte, sabor e criatividade, além de uma boa nutrição.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x