4 de Março de 2021

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Pandemia deve suspender realização do Passeio de Boias

Pandemia deve suspender realização do Passeio de Boias

Necessidade de isolamento social deve barrar a realização do evento que reúne centenas de aventureiros de toda a região

15/01/2021 19h06 - Atualizado há 2 meses Publicado por: Redação
Pandemia deve suspender realização do Passeio de Boias Fotos: Divulgação

A pandemia da Covid-19 e a necessidade do isolamento social e as restrições às aglomerações de pessoas devem suspender neste ano a realização da vigésima sétima edição do Passeio de Boias do Rio Mogi Guaçu, evento que tradicionalmente ocorre no último sábado de janeiro.  O evento, que também é chamado por muitos de “Boia Cross”, tem o início do percurso na prainha de Cachoeira de Emas, distrito de Pirassununga e termina nas escadarias da Ponte de Velha de Porto Ferreira, onde no final do Século XIX funcionava o sistema de navegação fluvial para o transporte do café que fez nascer o município.

Mais de mil pessoas costumam desafiar as águas do Mogi entre Pirassununga e Porto neste que é um dos maiores e mais tradicionais eventos náuticos da região.

Os aventureiros em boias, embarcações improvisadas e barcos a motor desafiam os cerca de 17 quilômetros rio abaixo. A saída geralmente ocorre por volta das 8h e a chegada dos navegantes sempre acontece após o meio-dia. Mas a velocidade depende da força da correnteza.

Aventureiros de toda a região participam do evento. O evento é organizado pela ONG Viva Mogi, de Pirassununga e conta com o apoio da Associação dos Canoeiros em Porto Ferreira. O passeio é realizado desde 1994 e tem, como principal objetivo, a valorização e a preservação do rio e da natureza.

Há mais de duas décadas, quando ocorreu o primeiro passeio, aproximadamente 15 pessoas do grupo “Viva Mogi”, liderado por Ricardo Torres, fizeram o percurso. Na época o grupo chegou à Área de Lazer, onde o canoeiro José Astor Fadel, mais conhecido como “Boi Fadel”, aderiu ao movimento e sugeriu a um grupo de amigos de Porto Ferreira a formação de uma entidade voltada a preservação do rio. Fundou-se então a Associação dos Canoeiros do Rio Mogi-Guaçu de Porto Ferreira.

Passadas quase duas décadas aqueles 15 participantes multiplicaram-se em mais de mil adeptos que aderiram ao evento que, além de sua conotação ecológica, passou a ser de caráter turístico, de lazer, e de diversão, no estilo boiacross. Atualmente a descida de boia é uma promoção da Prefeitura do Município de Pirassununga e do Grupo Ecológico Viva Mogi, com apoio da Prefeitura do Município de Porto Ferreira, que atua na recepção dos participantes.

Segundo os organizadores, cada integrante deverá providenciar sua própria boia ou câmara de ar de caminhão, além dos equipamentos necessários para realizar o percurso com segurança. Nas corredeiras há risco de ferimentos leves.

Na descida de boias cada participação é espontânea. Recomenda-se aos participantes do evento saber nadar e evitar o abuso de bebidas alcoólicas. Também sempre é obrigatório o uso do colete salva-vidas e capacete tipo bike. A boia não pode estar muito cheia para não estourar ao esbarrar nos galhos. Por razões de segurança a boia deve estar amarrada ao braço por uma corda ou um cordelete para que a mesma não se perca nas corredeiras.

Recomenda-se que os participantes não desçam o rio em boias presas umas as outras. Como a vazão do rio quase dobra nessa época do ano, a passagem das boias e das embarcações pelas colunas que sustentam a nova ponte de Cachoeira de Emas torna-se perigosa. Quaisquer obstáculos (galhos secos, raízes) em meio à força das corredeiras coloca em risco a vida das pessoas. Caso o volume se mantenha nos próximos dias, estima-se que sejam necessárias cinco horas para a descida.

Em Porto Ferreira, o lixo acumulado nesses recipientes poderá ser depositado nas lixeiras da Associação dos Canoeiros do Rio Mogi-Guaçu. Pela intensa exposição ao sol, recomenda-se o uso de protetor solar, inclusive labial, óculos escuros, chapéu e cantil com água.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x