26 de Janeiro de 2022

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Presidente do PR gera polêmica com oposição

Presidente do PR gera polêmica com oposição

11/01/2012 11h58 - Atualizado há 10 anos Publicado por: Redação
Presidente do PR gera polêmica com oposição

Algumas declarações do presidente da comissão provisória do Partido da República (PR), Eduardo Bill Moreira causaram revolta entre lideranças de partidos da oposição da aliança conhecida como “Frente Ampla”, que é integrada pelo PSDB, DEM, PPS e PP, entre outros. Bill afirmou que o partido deixou a Frente Ampla porque o grupo não tinha projetos para São Carlos. O próprio presidente do PR e também integrantes do PSD participaram de reuniões do grupo oposicionista.

Para o pré-candidato do DEM, Airton Garcia, qualquer pessoa conhece os problemas de São Carlos, mas poucos sabem apontar soluções. “Na verdade qualquer criança de dez anos sabe que é necessário se recapear o asfalto das ruas, melhorar a saúde que está em petição de miséria, recuperar a nossa educação que está horrível, buscar a implantação de novas empresas e gerar empregos, entre outros. A questão é como fazer. Hoje, São Carlos é uma massa falida, uma cidade endividada. E para consertar uma cidade problemática como esta não se pode buscar um reitorzinho que não sabe sequer administrar uma quitanda. Eu tenho o perfil para consertar, pois a vida inteira comprei empresas falidas e as transformei em companhias prósperas e lucrativas”, ressalta ele.

Airton afirma que as afirmações de Bill nada mais são do que “desculpas” de apaniguados do poder. “Aí, eles vêm com esta conversa fiada, com estas desculpinhas, que a oposição não tem projeto e coisa e tal. Eles pensam que o povo é bobo e vai cair nesta conversa. Mas as urnas vão falar alto em outubro”.

O vereador José Luiz Rabello (PSDB) afirmou que Bill e todo o grupo ligado à Família Sales foi muito infeliz em “virar a casaca” e se bandear para o lado do PT. “Fiquei bastante decepcionado com esta traição. Quando estas pessoas do PR e PSD precisaram de mim me procuraram e os ajudei. Agora, venderam-se para o PT por cargos. Na verdade, eles sempre buscaram viver em cima do muro. Agora, finalmente resolveram descer. E foi justamente do lado em que estava um cachorro bravo. Vão afundar junto com o PT e seus aliados, que serão escorraçados da Prefeitura em outubro”, disse o parlamentar tucano.

 

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x