25 de Outubro de 2021

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > SP destina mais R$ 1 bilhão para nova fase do programa

SP destina mais R$ 1 bilhão para nova fase do programa

Iniciativa integra o programa Pró SP e prevê obras para modernização de vias municipais em todo o estado

16/09/2021 12h42 - Atualizado há 1 mês Publicado por: Redação
SP destina mais R$ 1 bilhão para nova fase do programa Foto: Divulgação / Governo do Estado de São Paulo

O governador João Doria anunciou nesta quarta-feira (15), no Palácio dos Bandeirantes, o investimento de mais de R$ 1 bilhão na nova fase do programa Novas Estradas Vicinais, que vai beneficiar outras 54 vias com 465 quilômetros de melhorias.

Com essa nova etapa, o programa coordenado pelo DER (Departamento de Estradas de Rodagem) soma investimentos de R$ 3,3 bilhões, o que corresponde a 333 obras em 3,4 mil km de estradas, gerando mais de 30 mil empregos, entre vagas diretas e indiretas.

“É o maior programa de recuperação de estradas vicinais do Brasil, com 3,4 mil quilômetros de rodovias no Estado de São Paulo, e está acontecendo agora com muitas obras já iniciadas”, afirmou Doria.

O investimento previsto faz parte do programa Pró SP, um amplo pacote de obras estruturantes do Governo para auxiliar na retomada do crescimento econômico, oferta de emprego e geração de renda em 2021 e 2022. A iniciativa prevê recursos que totalizam R$ 47,5 bilhões para obras nas áreas de infraestrutura, transportes, educação e saneamento.

IMPORTÂNCIA DAS VICINAIS – As estradas vicinais são essenciais para o escoamento da produção agrícola e movimentam as economias regionais, além de garantir o deslocamento da população de cidades menores a grandes centros urbanos, que dão acesso a serviços importantes como saúde e educação.

“O Novas Estradas Vicinais é um grande programa para melhorar a qualidade de vida das pessoas e criar empregos em todo o Estado. Quem vive no interior sabe a importância de ter uma vicinal asfaltada e bem sinalizada. Isso traz segurança aos usuários e também agiliza o escoamento da produção, dentro da nossa nova matriz de logística”, afirma João Octaviano Machado Neto, secretário estadual de Logística e Transportes.

PARCERIA TÉCNICA – Um estudo técnico do DER, feito em conjunto com as Prefeituras, identificou os principais gargalos para o desenvolvimento do projeto. As vicinais foram divididas em categorias – estradas que ligam polos geradores de produtos e serviços e rodovias estaduais, além das que dão acesso a municípios.

O edital desta nova fase foi publicado nesta quarta-feira no Diário Oficial do Estado e o documento estará disponível no site do DER.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x