Vendas de brinquedos aumentam 15 % em relação a 2010

22 de dezembro de 2011


No final do ano o comércio agradece ao bom velhinho, mas principalmente ao novo consumidor. As crianças e adolescentes que hoje, segundo dados da  Fundação Getúlio Vargas representa um grande fatia do mercado, ou pelo consumo direto ou pela influência exercida sobre os pais. Cerca de 25% das compras de natal tem a interferência direta dos jovens. Prejudicial ou não o mercado investe pesado neste filão.

Em São Carlosas lojas especializadas em brinquedos já faturam pelo menos 15% a mais do que o natal de 2010 e ainda faltam três dias de compras.

Para a gerente de uma destas lojas especializadas, Isabel Oliveira, a vendas ainda devem crescer neste dias. “Já estamos atingindo a marca de13 a15% a mais do que o natal passado. Apesar de se falar em crise tudo correu bem e as vendas estão aquecidas”. O mesmo sentimento é compartilhado pelo gerente Márcio Sanches. “Estamos vendendo bem. Já atingimos 10% a mais de vendas em relação ao mesmo período do ano passado”, afirmou.

Para Sidney Prado o movimento desta semana esta sendo considerado superior a de 2010. Em horários de picos a loja do qual é gerente fica abarrotada de pessoas. Já faltam algumas mercadorias. “Em nossos horários de picos, ou seja, logo após as 11h e no início da noite estamos vendendo muito bem. Este ano posso afirmar que irá superar as vendas do ano passado”, disse Prado.

 

DESAFIO – Para muitas pessoas, comprar brinquedos é um desafio. As inúmeras opções nas prateleiras das lojas até ofuscam a vista. Além disso, os pequenos parecem estar cada vez mais exigentes. Opte por jogos, bonecas, carrinhos, bicicletas de acordo com a idade da criança (na embalagem, geralmente, vem a indicação da faixa etária).

 

MAIS PROCURADOS – Produtos como a Barbie Segredo das Fadas, os bonecos dos palhaços Patati Patatá, artigos da Xuxa e do Ben 10 e jogos como o Detetive 3D e Super Banco Imobiliário estão entre os mais procurados neste ano.

Mas, de nada adianta satisfazer a vontade da criança, se aquele brinquedo não for seguro. Por isso, é fundamental tomar alguns cuidados durante a compra, como conferir se o brinquedo contem o selo do Instituto Nacional de Metrologia (Inmetro), o que indica que o produto foi fabricado e comercializado de acordo com as normas técnicasem vigor. Aembalagem deve ainda conter a identificação do fabricante (nome, CNPJ, endereço) e número de peças ou instruções de montagem (se for o caso).

comments icon 1 cometário
bookmark icon

One thought on “Vendas de brinquedos aumentam 15 % em relação a 2010

    Write a comment...

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *