28 de Fevereiro de 2021

Dólar

Euro

Cidades

Jornal Primeira Página > Notícias > Cidades > Vereador de Ibaté faz moção de apelo em prol da “pílula do câncer”

Vereador de Ibaté faz moção de apelo em prol da “pílula do câncer”

14/12/2015 10h38 - Atualizado há 5 anos Publicado por: Redação
Vereador de Ibaté faz moção de apelo em prol da “pílula do câncer”

Atento ao que vem acontecendo em relação à fosfoetanolamina, conhecida como “pílula do câncer”, o vereador Mário Alberto Frigieri Junior (PSDB) resolveu entrar na briga em prol da liberação do medicamento. 

Na última semana, durante sessão ordinária, Marinho apresentou uma moção de apelo para que a presidente Dilma Rousseff, o Ministério da Saúde e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) determinem a autorização, com a máxima urgência, da efetivação de todas as medidas necessárias à realização de testes, estudos e pesquisas, de ordem clínica e científica, sobre a viabilidade da utilização da substância fosfoetanolamina sintética. 

“A obrigação dos entes públicos de garantir o direito à saúde não se limita ao registro do medicamento ou ao conteúdo das listas do SUS, sob pena de grave afronta às disposições legais e constitucionais, ainda que não esteja o fármaco registrado na ANVISA”, destacou Marinho.

Em sua moção, o vereador apela ainda para que a substância seja fornecida gratuitamente aos pacientes acometidos de câncer.

A fosfoetanolamina foi desenvolvida pelo professor-doutor Gilberto Orivaldo Chierice e sua equipe, no Instituto de Química da Universidade de São Paulo (USP) em São Carlos, há mais de 20 anos. Desde então, essa substância vem sendo distribuída a pessoas com câncer.

Embora a substância não seja classificada como medicamento e ainda não tenha seus testes concluídos, a pesquisa da USP apresenta dados muito positivos para o combate ao câncer, com diversos relatos de pacientes que estavam desenganados e reconquistaram a qualidade de vida. Muitos deixaram a cadeira de rodas, a quimioterapia, a morfina e voltaram às suas atividades cotidianas.

A moção de apelo proposta pelo vereador Marinho e subscrita pelos demais parlamentares foi aprovada pela Câmara Municipal e será encaminhada à presidente Dilma Roussef, ao Ministério da Saúde, à ANVISA, e ao pesquisador Chierice.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x