1 de Outubro de 2020

Dólar

Euro

Cultura

Jornal Primeira Página > Notícias > Cultura > Atrações internacionais visitam São Carlos

Atrações internacionais visitam São Carlos

05 de Março de 2014 às 22:41 Publicado por: Redação
Atrações internacionais visitam São Carlos

O Bar e espaço cultural Gig será palco de duas atrações internacionais de diferentes gêneros neste final de semana. Em uma noite a essência do lendário e marcante Blues; Na outra, o ritmo dançante do afrobeat mistura-se a forte batida do eletrônico com essências de vários países. Os ritmos prometem agitar a cidade e dar um chega pra lá na ressaca de Carnaval.

 

Em sua turnê pelo Brasil, a representante do blues americano, Tia Carroll, visita São Carlos nesta quinta-feira (6) onde solta seu “vozeirão” prometendo uma noite inesquecível.

Tia Carroll é rotineiramente comparada a Aretha Franklin, Koko Taylor e Tina Turner. Não seria correto se não fosse justo. Influenciada por Sam Cooke e Stevie Wonder, a voz marcante da artista nasceu em Richmond, na Califórnia onde começou a cantar na igreja batista ainda moça.

O proprietário do espaço, Ricardo Rodrigues, conta que a artista já se apresentou no Gig e foi uma noite memorável. “A Tia Carroll esteve aqui com esta mesma formação e foi uma das noites mais marcantes do primeiro ano do Espaço Cultural. Considerada pelo jornal Washington Post como “a nova diva do Rhythm Blues”, Tia Carroll traz novamente seu carisma, simpatia e potente voz”.

Já a banda de origem Africana e Holandesa “Skip&Die” se apresenta na sexta-feira (7) agitando o público com a sonoridade do afrobeat, misturados ao kwaito, música folclórica, hip-hop, eletrônico além de elementos da Índia, América Latina, Balcãs e Oriente Médio.

A Banda começou com a colaboração da artista sul-africana Catarina Aimée Dahms (Cata Pirata) e o produtor holandês Jori Collignon que até hoje, cada canção é um universo transnacional, em que se canta em várias línguas, onde elementos tradicionais de diversos países colidem à velocidade da luz para produzir numa substância nova e autêntica no cenário musical.

Cata Pirata que é vocalista, poeta e artista visual traz uma imagem rebelde, de uma estrela dos anos 80 com traços de uma rapper dos anos 90, com um brilho incendiário que contagia o público com sua autenticidade.

 

Ricardo Rodrigues disse que as novas tecnologias potencializam nosso acesso à cultura dos mais diversos países, mas a experiência presencial é inigualável. “Essas duas atrações prometem deixar um marco cultural em São Carlos e é realmente maravilhoso poder contar com esta grande quantidade de artistas internacionais passando por nossa cidade, que está definitivamente na rota de circulação internacional da música. Além de reforçar a característica cosmopolita da cidade, cada um desses artistas deixa uma vivência cultural enorme tanto para os artistas locais quanto para o público em geral.”

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x