9 de Maio de 2021

Dólar

Euro

Cultura

Jornal Primeira Página > Notícias > Cultura > Escola de música vai receber fortuna da prefeitura em plena pandemia

Escola de música vai receber fortuna da prefeitura em plena pandemia

Mesmo sem atender alunos presencialmente, a Escola Livre de Música Maestro João Sepe receberá quase meio milhão de reais dos cofres públicos

13/04/2021 05h44 - Atualizado há 4 semanas Publicado por: Redação
Escola de música vai receber fortuna da prefeitura em plena pandemia Foto: Reprodução / Redes Sociais

Uma notícia tem deixado o setor cultural de São Carlos revoltado. A Escola Livre de Música Maestro João Sepe está perto de receber a bagatela de R$ 470 mil por ano, da Prefeitura de São Carlos, por meio de convênio com a Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer, para a realização de atividades. O valor corresponde a quase R$ 40 mil mensais. Detalhe: a escola não está atendendo os alunos presencialmente e mesmo assim levará a “bolada”.

Artistas e produtores culturais de São Carlos estão indignados com a notícia, pois estão passando necessidades, sem socorro do Poder Público e observam uma única instituição abocanhar esse grande volume de recursos públicos. De acordo com o Secretário de Esportes, Cultura e Lazer Luiz Henrique Lopes, e o Diretor de Cultura, Carlos Alberto Caromano, a Escola já havia sido beneficiada com um convênio, iniciado em 2019 e que terminará agora em 2021, no qual recebeu R$ 400 mil por ano.

Agora, caso esse novo convênio seja aprovado, a Escola irá receber R$ 470 mil por ano, com o convênio podendo ser renovado por mais cinco anos. Ou seja, caso todas as renovações sejam feitas, a Escola irá receber dos cofres públicos municipais a quantia de R$ 3,1 milhões. Para que seja feito esse convênio, os vereadores precisam, antes aprovar um projeto de suplementação orçamentária para a Secretaria. Procurado sobre o assunto, o Secretário da Fazenda, Mario Antunes, não respondeu à reportagem até o fechamento da edição.

O projeto que versa sobre esse repasse absurdo, em um período tão difícil como esse da pandemia da Covid-19, deverá ir à votação na Câmara Municipal, porém ainda sem data prevista, de acordo com informações do Presidente Roselei Françoso (MDB), que informou que a proposição ainda não havia chegado ao Legislativo. O Jornal Primeira Página estará atento à votação e estampará fotos e nomes de vereadores que votarem a favor desta indecência.

HISTÓRIA – A Escola Livre de Música “Maestro João Sepe” é um convênio da Prefeitura com a AASC – Associação de Artes de São Carlos – e oferece os cursos de Violino, Viola, Violoncello, Contrabaixo, Flauta Transversal, Clarinete, Saxofone, Trompete, Trombone, Bombardino, Tuba, Musicalização Infantil, Musicalização para Adultos, além de Práticas em Grupo e Aulas de Teoria Musical.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x