27 de Novembro de 2021

Dólar

Euro

Cultura

Jornal Primeira Página > Notícias > Cultura > Festival Grito Rock divulga programação completa

Festival Grito Rock divulga programação completa

23/02/2013 13h02 - Atualizado há 9 anos Publicado por: Redação
Festival Grito Rock divulga programação completa

A partir desta segunda-feira, 25, até dia 3 de março, o 6º Festival Grito Rock trará ao público de São Carlos uma programação diversificada que abrange as áreas de música, audiovisual, artes literárias, artes cênicas e intervenções urbanas, além da V Feira de Economia Solidária, que acontece na Praça Coronel Salles.

 

O músico e produtor cultural, gestor da equipe de programação e direção geral do Grito Rock 2013, Juliano Parreira, explica que o processo de escolha das atrações e das atividades deste ano para o festival se deu com a parceria e abertura de grupos da própria cidade para que pudessem integrar à programação.

“Este ano contaremos com diversas atividades em várias linguagens, além de grupos esportistas e ambientais como Slackline e Veracidade, o movimento hip-hop, entre outros. O processo de curadoria foi aberto para que qualquer grupo da cidade. Além das reuniões abertas, diariamente recebemos esses grupos na Casa Fora do Eixo São Carlos para pensarmos e viabilizarmos juntos todas as propostas”.

Com relação a outras edições do festival, Juliano diz que o evento chama atenção não só pela linguagem da música, que geralmente é a mais forte em relação a público e programação, mas como também para as outras áreas que ganharam um dia inteiro de atividades. “Cada atividade passará por oficinas, rodas de conversa e programação artística. Também destacamos o Percurso de Formação Livre, que aconteceu e acontece durante todo o mês de fevereiro e abre atividades de formação gratuitas nas áreas de música, mídia e produção”.

 

300 CIDADES – Em 2013 o Festival Grito Rock acontece em 300 cidades de 30 países. O processo colaborativo O processo colaborativo traz uma série de ativos para a produção do festival como tecnologias de captação, articulação de grupos parceiros, cobertura colaborativa, campanha hospeda-cultura através da hospedagem solidária e ferramentas como o compacto e TEC, que é uma planilha de organização de custos, investimentos, equipes e contatos do evento. “Em São Carlos realizamos mais uma edição do evento, ocupando espaços como a Praça Coronel Salles, Sesc, Rádio UFSCar, Janela Aberta, Jardim Gonzaga e a própria Casa Fora do Eixo na cidade”, completa Juliano.

Para o produtor cultural, “o Grito Rock é importante por trabalhar a cultura independente nas mais variadas linguagens, abrindo espaço para artistas que geralmente encontram dificuldades para mostrar seus trabalhos. Além disso, traz para a cidade uma programação diversificada que foge dos padrões da grande mídia, integra atividades de formação em suas equipes de produção e fortalece o mercado e o público da cena independente no país. O principal objetivo é abrir espaço para a construção conjunta, potencializar ações, pautas e ocupar cada vez mais espaços públicos com atividades culturais gratuitas”.

 

Veja programação completa do Grito Rock 2013

Abrindo o evento, a Rádio UFSCar promove a partir das 19h, o Clube do Vinil, reunindo colecionadores de discos e apreciadores de música. No mesmo dia, a partir das 22h, o programa Independência ou Marte, vai fazer um programa especial de lançamento do festival.

Na terça-feira (26), o dia será voltado para o audiovisual. Começa a partir das 14h com uma oficina ministrada por Yasmin Bidim sobre Formação Livre em Cineclube. Às 22h no estacionamento do mercado União Serve acontece a montagem e exibição do filme “Vou Rifar Meu Coração” e também práticas corporais Taioístas. Antes, às 19h, também vai acontecer o Compacto. Cine no SESC com a exibição de produções cinematográficas independentes.

Na quarta-feira (27) a literatura entra em foco no Instituto Cultural Janela Aberta promovendo as oficinas de Scrapbook e diagramação em Software Livre, além do lançamento dos livros “Tempestade Me Lembra Você” de Cristian Cobra e “Capitalismo: Religião Global” escrito de Leonardo Cruz. Às 19 horas, no mesmo local, acontecerá o Sarau com diferentes manifestações artísticas como poesia, banca literária e grafite com exposição de desenhos e fotografias.

Na quinta-feira (28) o Jardim Gonzaga recebe o festival através das intervenções lúdicas promovidas pelo Grafite, pintura em parede, stencil, malabares e plantio de árvores, além da apresentação do Grupo de Teatro Preto no Branco com o espetáculo “Ao Revés do Papel” e Trapo di Trupe com intervenções circenses.

Na sexta-feira (1º) o dia será voltado para a música, começando com a oficina de formação livre em Roadie, que acontece a partir das 14h no SESC. O mais novo espaço de São Carlos, GIG, a partir das 19h, promete uma noite repleta de ondas sonoras e diferentes timbres das Bandas Petit Mort, diretamente da Argentina, Black Cherry de Curitiba e DJ Gringo comandando a discotecagem.

O sábado (2) terá os shows do Projeto Nave de São Paulo e traz toda a sonoridade eletrônica que mistura o jazz, funk e ritmos brasileiros; Leptospirose com seu som pesado, rápido e com técnicas impressionantes. Na noite, a partir das 21h o GIG vai sediar mais um momento especial do festival com destaque para a apresentação do Dj KL Jay, conhecido pelo seu trabalho no Racionais MC´s.

No domingo (3), encerrando o festival, o destaque será para a apresentação das bandas Lavoura, com o instrumental eletrônico, Mão de Oito com o suingue brasileiro, além da banda local Aeromoças e Tenistas Russas que traz a mistura de rock, funk, jazz e ritmos latinos. Tudo isso mais o espaço slackline, intervenções com o Grupo de Artes Plásticas – UFSCar e a batalha de B Boys.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x