Cultura

Oficinas de Outono recebem inscrições


Com o tema “Vozes da África”, a Oficina Sérgio Buarque de Holanda oferece nos meses de abril, maio e junho as Oficinas de Outono. De acordo com o coordenador da Oficina Cultural, Ney Vilela, o quadro de oficinas é bastante amplo e oferece oportunidades para diversas áreas, assim como para outras cidades da região.

Ele explica que a escolha do tema específico para as oficinas foi uma ideia integrativa. “A cultura brasileira tem um forte componente africano e sentimos a necessidade de que essa realidade seja aceita de maneira natural em todos os momentos. O que os nossos oficineiros vão mostrar são componentes africanos dentro da cultura brasileira”, afirma. “Um dos exemplos que posso citar é em relação à oficina de cinema, a qual vamos falar de Grande Otelo. Ele faz parte da nossa cultura e também é negro. A mesma coisa vai acontecer com o curso de leitura dramática, em que vamos ler textos de escritores e poetas negros”.

Ele conta que a ideia de colocar um tema geral para as oficinas já foi aplicada uma vez e agora está sendo retomada. Outra novidade é em relação às oficinas ministradas na região. O mecanismo de trabalho é pioneiro, segundo o coordenador. “Em vez de decidir o trabalho que cada cidade iria fazer, montamos formulários e, ao preencher, elas colocavam quais oficinas mais gostariam de receber na cidade e davam sugestões de oficineiros para ministrar as aulas. O resultado foi de 12 oficinas que serão realizadas por oficineiros da própria cidade”.

Ney já comemora a grande procura pelas oficinas. “No primeiro dia de inscrição tínhamos um ritmo de trinta e poucas inscrições e na segunda-feira, que foi o primeiro dia, já passamos da centena. O sentimento é que foi pouca a modificação, mas ela existe. Estamos com um público mais heterogêneo e gente nova. O trabalho está dando certo”, finaliza o coordenador.

comments icon0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *