25 de Outubro de 2021

Dólar

Euro

Economia

Jornal Primeira Página > Notícias > Economia > Portos do Paraná movimentaram até setembro cerca de 44,5 milhões de toneladas

Portos do Paraná movimentaram até setembro cerca de 44,5 milhões de toneladas

As exportações de celulose cresceram 2%

12/10/2021 17h52 - Atualizado há 2 semanas Publicado por: Redação
Portos do Paraná movimentaram até setembro cerca de 44,5 milhões de toneladas Foto: Reprodução

Os portos do Paraná movimentaram neste ano, até setembro, cerca de 44,5 milhões de toneladas de cargas, 1% mais que em igual período de 2020. Só de carga geral foram 10,27 milhões de toneladas embarcadas e desembarcadas pelos portos de Paranaguá e Antonina, 11% acima do registrado entre janeiro e setembro do ano passado.

Na exportação por Antonina foram destaque os embarques de açúcar e outros gêneros ensacados (ou em big bags). “De açúcar, entre janeiro e setembro deste ano, foram 211.655 toneladas embarcadas – 189% a mais que as 73.196 toneladas registradas no período de 2020. De outros produtos, foram quase 78 mil toneladas exportadas por Antonina neste ano”, disse a Portos do Paraná em nota.

Pelo Porto de Paranaguá, as exportações de celulose cresceram 2%. Nos noves meses deste ano foram 545.400 toneladas embarcadas; em 2020, 534.794 toneladas. Na importação foram quase 4,2 milhões de toneladas de produtos de Carga Geral desembarcados pelos portos de Paranaguá e Antonina. “A alta registrada, na comparação com o mesmo período de 2020, é de 33%. De janeiro a setembro do ano passado, foram importadas cerca de 3,14 milhões de toneladas do segmento.”

A movimentação dos granéis sólidos registrou queda de 3%. De janeiro a setembro de 2020, pouco mais de 29,1 milhões de toneladas foram movimentadas pelos dois portos paranaenses. Neste ano, foi um milhão a menos, no período. “A queda no segmento foi motivada pela redução nos volumes de soja e milho embarcados. Ainda assim, a exportação de açúcar registrou alta de 19% – com 2,9 milhões de toneladas embarcadas neste ano, a granel, contra 2,45 milhões de toneladas registradas em 2020”.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x