Total planeja acabar com vazamento de gás

11 de abril de 2012


O vazamento na plataforma de Elgin, da petroleira Total no Mar do Norte, poderá ser interrompido até o final de abril, caso tudo ocorra dentro do planejado, disse o diretor-gerente, Philippe Guys, em entrevista a um jornal.

 

Guys disse ao jornal escocês The Press and Journal que a petroleira francesa planeja realizar uma “morte dinâmica” do vazamento bem antes de maio.

“Estamos trabalhando duro e, se ocorrer tudo como planejado, consideramos que ao final deste mês devemos ter o controle do poço”, disse ele, segundo o jornal.

A Total disse que o vazamento está custando 2,5 milhões de dólares por dia até agora. Suas ações recuaram quase 7 por cento desde quando vazamento foi relatado, derrubando em milhões de euros o valor das ações em circulação.

A Total não estava imediatamente disponível para comentar a entrevista de Guys nesta quarta-feira, 11.

Em comunicado na noite passada, a Total disse que levaria semanas de trabalhos preparatórios, incluindo diversos voos de helicópteros para transportar equipamentos à plataforma, antes que um procedimento para acabar com o poço pudesse começar.

A Total planeja injetar lama no poço para acabar com o vazamento de gás, após uma equipe de reconhecimento descobrir que as condições são suficientemente seguras para permitir a operação. (reportagem de Dominique Vidalon em Paris e Oleg Vukmanovic em Londres)

comments icon 0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *