9 de Agosto de 2020

Dólar

Euro

Esporte

Jornal Primeira Página > Notícias > Esporte > Bahia encara Ceará na final da Copa do Nordeste

Bahia encara Ceará na final da Copa do Nordeste

Tricolor de Aço busca o tetra para igualar o rival Vitória enquanto o Vozão luta pelo seu segundo título

31 de Julho de 2020 às 06:20 Publicado por: Redação
Bahia encara Ceará na final da Copa do Nordeste Foto: Reuters

O Bahia enfrentará o Ceará na final da Copa do Nordeste em dois jogos no estádio do Pituaçu, em Salvador (Bahia). As partidas decisivas acontecem amanhã, sábado (16h), horário de Brasília) e terça (21h30, horário de Brasília). O Tricolor de Aço busca o tetracampeonato para igualar o arquirrival Vitória. Já o Vozão tenta o bicampeonato.

Jogando no estádio Pituaçu, o Bahia derrotou o Confiança por 1 a 0 na noite desta quarta (29) e garantiu a classificação para a grande decisão da Copa do Nordeste.

Mesmo sendo melhor durante a maior parte da partida, mantendo mais a posse de bola e criando boas jogadas, a equipe baiana não teve vida fácil diante do time de Sergipe, que se fechou na defesa e apostou tudo em uma chance de contra-ataque.

Isto fez com que o jogo ficasse muito amarrado, e só fosse decidido nos últimos minutos, aos 42 minutos do segundo tempo, quando o meia Daniel, que havia entrado no gramado um minuto antes, acertou chute de fora da área para vencer o goleiro Rafael Santos e marcar o gol da vitória e da classificação.

PRIMEIRO – O Ceará foi o primeiro a se classificar para a final da Copa do Nordeste de 2020. Em um Clássico-Rei disputado no Estádio de Pituaçu, em Salvador (BA), na última terça-feira (28), o Vozão levou a melhor sobre o Fortaleza, venceu por 1 a 0, e acabou com o sonho do rival de conquistar o bicampeonato.

O primeiro tempo teve muita pegada, discussão, e poucas chances de gol. O Fortaleza não conseguiu se aproximar com perigo no ataque, e o Ceará teve uma oportunidade, que converteu em gol. Aos 23 minutos, Vina cobrou falta na área. O zagueiro Klaus apareceu no meio da defesa para cabecear e abrir o placar. O Leão do Pici até tentou a resposta no fim, mas encontrou muita dificuldade na criação de jogadas.

Logo no início da segunda etapa, o Vozão mostrou que realmente está treinado, por Guto Ferreira, em lances de bola parada. O Ceará quase ampliou o marcador aos 6 minutos. Vina cobrou escanteio pela esquerda e Fabinho apareceu sozinho para cabecear. A bola passou raspando a trave direita de Felipe Alves.

O Fortaleza só foi assustar aos 19 minutos, quando Juninho cobrou falta e Bruno Melo, de cabeça, assustou o goleiro Fernando Prass. O Leão do Pici então partiu para o ataque, mas não conseguia furar a defesa do Vozão. A melhor oportunidade surgiu aos 35 minutos. Juninho cobrou escanteio pela direita e, no rebote, Yuri César finalizou na entrada da área. A bola passou por todo mundo, tirando tinta da trave esquerda.

No fim, o time de Rogério Ceni pressionou demais o Ceará, mas não teve sucesso. Esbarrando nos próprios erros e enfrentando um setor defensivo seguro, o Fortaleza foi eliminado da Copa do Nordeste pelo arquirrival.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x