Deschamps convoca França com voltas de Coman e Kurzawa para Eliminatórias da Euro

14 de março de 2019


O técnico Didier Deschamps anunciou nesta quinta-feira, 14, a lista de convocados da seleção francesa para os dois primeiros jogos que os atuais campeões do mundo farão pelas Eliminatórias da Eurocopa de 2020, contra Moldávia e Islândia, respectivamente nos dias 22 e 25 de março.
As duas principais novidades desta listagem foram o lateral-esquerdo Layvin Kurzawa, do Paris Saint-Germain, e o atacante Kingsley Coman, do Bayern de Munique, que não eram chamados para defender a seleção principal da França desde novembro de 2017.
Coman substituiu Franck Ribery no decorrer do segundo tempo da partida em que o Bayern foi derrotado por 3 a 1 pelo Liverpool, na última quarta-feira, na Alemanha, e acabou sendo eliminado da Liga dos Campeões neste confronto de volta das oitavas de final. Já Kurzawa atuou como titular do PSG na goleada por 4 a 0 sobre o Dijon, na terça, fora de casa, em jogo válido pelo Campeonato Francês.
Estes dois convocados voltaram a ser incluídos em uma listagem de Deschamps principalmente porque o treinador não pode contar com Lucas Hernandez, lateral-esquerdo do Atlético de Madrid, e com Ousmane Dembélé, atacante do Barcelona. Ambos estão lesionados e não poderão participar deste início de caminhada dos franceses na luta por uma vaga na Eurocopa de 2020.
Dezesseis jogadores que fizeram parte da seleção francesa que conquistou o bicampeonato mundial na Copa de 2018, na Rússia, foram chamados por Deschamps nesta quinta-feira. Entre eles estão os atacantes Kylian Mbappé, do PSG, e Antoine Griezmann, do Atlético de Madrid, dois maiores destaques do time nacional na campanha vitoriosa da grande competição realizada em solo russo.
A estreia da França nas Eliminatórias da Eurocopa, no próximo dia 22, contra a Moldávia, será fora de casa, na cidade de Chisinau. No dia 25, os comandados de Deschamps pegarão a Islândia, no Stade de France, em Saint-Denis, nos arredores de Paris.
Os franceses integram o Grupo H do qualificatório continental, que, além de moldávios e islandeses, é composto também por Albânia, Andorra e Turquia. E embora o foco da convocação desta quinta tenha sido a Eurocopa, Deschamps não escapou de comentar o fato de que Zinedine Zidane, seu ex-companheiro de time na seleção campeã da Copa de 1998, reassumiu nesta semana o comando do Real Madrid.
“Como francês é uma coisa muito boa que Zizou volte a um banco como treinador. E é uma coisa muito boa para o futebol em geral que encontre um lugar em um banco que ele conhece tão bem. (O Real Madrid) É a sua casa”, destacou o técnico.
Confira a lista de convocados da França:
Goleiros – Alphonse Areola (PSG), Hugo Lloris (Tottenham) e Steve Mandanda (Olympique de Marselha).
Defensores – Lucas Digne (Everton), Presnel Kimpembe (PSG), Layvin Kurzawa (PSG), Benjamin Pavard (Stuttgart), Djibril Sidibé (Monaco), Raphael Varane (Real Madrid), Samuel Umtiti (Barcelona) e Kurt Zouma (Everton).
Meio-campistas – N’Golo Kanté (Chelsea), Blaise Matuidi (Juventus), Tanguy Ndombele (Lyon), Paul Pogba (Manchester United) e Moussa Sissoko (Tottenham).
Atacantes – Kingsley Coman (Bayer de Munique), Nabil Fekir (Lyon), Olivier Giroud (Chelsea), Antoine Griezmann (Atlético de Madrid), Anthony Martial (Manchester United), Kylian Mbappé (PSG) e Florian Thauvin (Olympique de Marselha).

21 recommended
comments icon 0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *