Esporte

Pentatlo quer garantir vaga para Londres


sem-imagemDisposta a repetir a medalha de ouro conquistada há quatro anos no Rio de Janeiro e confirmar a ascensão técnica que a levou a estar entre as melhores pentatletas do mundo, a pernambucana Yane Marques disputa neste sábado, 15, junto com a compatriota Priscila Oliveira, a prova do pentatlo moderno para mulheres, a partir das 9h (11h de Brasília), no Club Hípica. A disputa masculina será no domingo, 16, no mesmo horário, com a participação de Luís Magno e Wagner Romão. Todos os brasileiros estão entre os 40 primeiros do ranking mundial.

Com cinco títulos sul-americanos e três pan-americanos no currículo, Yane sonha em carimbar logo o passaporte para os Jogos Olímpicos de 2012 – a classificação será feita por posição regional. “Vou em busca do meu melhor”, afirmou. “Quero melhorar minha natação e continuar evoluindo na corrida. Meu desafio é sempre melhorar as marcas. O bom resultado é uma consequência”. Para conseguir seu objetivo, a equipe brasileira fez um período de duas semanas de aclimatação em Colorado com vistas à preparação para o Pan.

Entre os homens, Luís Magno e Wagner Romão vivem realidades distintas. Magno está apenas em seu terceiro ano na modalidade, enquanto Romão já acena com o adeus à carreira de atleta. O pentatleta de 33 anos anunciou que, caso não consiga uma vaga para Londres, fará sua última competição nos Jogos Pan-americanos de Guadalajara, neste domingo. “Estou com a cabeça tranquila. Assistia ao Pan na TV e é um sonho disputá-lo pela segunda vez”, lembrou Romão. “Quando olho para trás, vejo a minha carreira com 99% de alegria e um 1% de tristeza”. O pentatleta não vê um favorito para a prova. “É uma disputa extremamente equilibrada, sem um destaque. Já perdi e já ganhei de todo mundo. Está tudo em aberto”, disse.

Idealizado pelo Barão de Coubertin, fundador dos Jogos Olímpicos da Era Moderna, o pentatlo moderno envolve cinco esportes, dividido em quatro etapas. A competição abre com a esgrima, em um sistema de disputa de todos contra todos, em duelos de um minuto. Logo em seguida, os competidores caem na água para disputar a prova dos 200m livre da natação. No hipismo, os atletas fazem um concurso de saltos com cavalos sorteados pela organização dos Jogos, em uma pista de 350m a 450m, com 12 obstáculos. A última fase é o evento combinado, que mescla tiro e corrida. A ordem de largada depende da pontuação nas três provas anteriores. Quem lidera sai na frente com mais tempo, dependendo da diferença no placar. (cob.com.br){jcomments on}

comments icon0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *