Esporte

Tiago Nunes critica protestos e fala de treinadores de olho em seu cargo


Em 12 jogos oficial, o ex-técnico do Athletico-PR conseguiu apenas três vitórias, empatou cinco e perdeu quatro

Tiago Nunes conseguiu ser eliminado na segunda fase da Libertadores pelo Guaraní-PAR. Colocou o Corinthians na lanterna do Campeonato Paulista e praticamente eliminou o sonho do tetra. Ainda assim, o jovem treinador não vê isso como problema. Para ele, tudo se resume a “politicagem”.
“Sem dúvida que há um ambiente político. A diretoria tem tentando ao máximo nos blindar e nos deixar à margem disso aí. Mas, por exemplo, quando em tempos normais a torcida do Corinthians bateu em fevereiro no portão do clube? É engraçado isso, né? É estranho. “Ah, por que perdeu a Pré-Libertadores para o Guarani.” Pode ser. É um catalisador isso aí. Mas a gente sabe também que tem muito interesse político””, disse ele ao Bandsports.
SÓ POLÍTICA?
Tiago Nunes só esqueceu de citar seus números à frente do Corinthians. Em 12 jogos oficial, o ex-técnico do Athletico-PR conseguiu apenas três vitórias, empatou cinco e perdeu quatro. Aproveitamento de 38%.
“A politicagem que a gente vive no Brasil é a seguinte. Eu tento destruir o que está dentro para valorizar o que está fora. Todo mundo que está fora tem a solução para o que está acontecendo dentro, em qualquer instituição funciona dessa maneira. Os treinadores são assim, principalmente alguns que estão mandando currículo, inclusive agora aí, forçando nesse momento, treinadores importantes. Sempre tem a solução para o que está acontecendo no Corinthians…”.
CURRÍCULOS!
Como se tudo isso não bastasse, Tiago Nunes ainda insinuou que há treinadores enviando currículo à diretoria do Corinthians. É sempre bom lembrar que Tiago Nunes negociou com o Corinthians enquanto era técnico do Furacão.
“Treinadores importantes têm soluções importantes para as coisas que estão acontecendo no Corinthians”, disse para completar em seguida que eles estariam “enviando currículos.
Ao sair do mundo virtual de Tiago Nunes, todos veem que o Corinthians amarga a penúltima colocação do Grupo D com 11 pontos, cinco a menos do G2 e a três da zona de rebaixamento.
VAZAMENTO!
Tiago Nunes também comentou sobre a pressão que é comandar o Corinthians e o fato de muitas notícias de coisas internas vazarem para a imprensa.
“Não me preocupo. Faz parte. Vim para o Corinthians sabendo que tudo vaza, todo mundo sabe o que acontece aqui dentro. Como tem muita repercussão naturalmente gera muito polêmica. Tem de ter capacidade de não dar bola para isso”.
“O Corinthians, a exemplo de outros clubes grandes do mundo, precisa de resultado e o resultado não está tendo. Vai acontecer esse tipo de coisa. Havendo resultado as coisas fluem de maneira natural, o portão não vai mais bater e a torcida vai ficar mais calma. Os políticos vão se acalmar um pouquinho mais”, analisou.

comments icon0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com