26 de Junho de 2022

Dólar

Euro

Internacionais

Jornal Primeira Página > Notícias > Internacionais > Bayer vence mais um caso nos EUA envolvendo herbicida Roundup

Bayer vence mais um caso nos EUA envolvendo herbicida Roundup

É o quarto caso consecutivo que a Bayer vence em menos de um ano

22/06/2022 11h15 - Atualizado há 4 dias Publicado por: Redação
Bayer vence mais um caso nos EUA envolvendo herbicida Roundup Foto: Reprodução

A Bayer venceu mais um caso nos Estados Unidos envolvendo alegações de que seu herbicida Roundup causa câncer, informou a empresa. Um júri no condado de Jackson, no Estado de Oregon, concluiu que o herbicida Roundup não causou câncer em um homem, de acordo com a companhia alemã. É o quarto caso consecutivo que a Bayer vence em menos de um ano.

A empresa vem lidando com uma onda de reclamações desde que comprou a Monsanto, proprietária original do produto, em 2018.

“As conclusões do júri são consistentes com as avaliações de reguladores especializados em todo o mundo, bem como com as evidências esmagadoras de quatro décadas de estudos científicos que concluem que o Roundup pode ser usado com segurança e não é cancerígeno”, disse a Bayer em comunicado.

Separadamente, no entanto, um tribunal federal de recursos dos EUA determinou na sexta-feira que a Agência de Proteção Ambiental (EPA, na sigla em inglês) deve reavaliar se o glifosato, ingrediente ativo do Roundup, representa risco à saúde. Em sua decisão, o tribunal disse que a EPA não avaliou adequadamente se o glifosato causa câncer.

A avaliação anterior da EPA é um ponto-chave no argumento da Bayer de que a Suprema Corte deveria analisar um recurso da empresa em um caso envolvendo o glifosato.

Em maio do ano passado, um tribunal de São Francisco decidiu que a Bayer deveria pagar US$ 25 milhões em indenização a Edwin Hardeman, que alega que seu câncer foi causado pelo herbicida.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x