26 de Maio de 2022

Dólar

Euro

Internacionais

Jornal Primeira Página > Notícias > Internacionais > Veredicto sobre Mubarak eleva tensão antes de eleições

Veredicto sobre Mubarak eleva tensão antes de eleições

03/06/2012 18h58 - Atualizado há 10 anos Publicado por: Redação
Veredicto sobre Mubarak eleva tensão antes de eleições

Defensores da democracia egípcia organizaram uma nova manifestação neste domingo, 3, dizendo que a justiça não foi realizada com o julgamento de Hosni Mubarak e de outros responsáveis pela morte de manifestantes durante a revolta de ruas que deu fim a seu mandato de três décadas.

 

No primeiro julgamento de um líder deposto nas manifestações da Primavera Árabe, no ano passado, Mubarak foi condenado à prisão perpétua. Seus filhos foram considerados inocentes em relação às acusações de corrupção e policiais de alto escalão foram absolvidos.

Milhares foram às ruas em protestos que se estenderam durante a noite inteira na praça de Tahrir, no Cairo, e em outras cidades, elevando a tensão política que tem crescido desde que o último primeiro-ministro de Mubarak foi bem-sucedido no primeiro turno das eleições presidenciais no país.

Muitos interpretaram os veredictos como prova de que o clã de Mubarak ainda detém o poder enquanto o Egito se prepara para a votação em 16 e 17 de junho, considerada o estágio final de uma transição para a democracia liderada pelo exército.

“Não foi um veredicto justo e há rejeição em massa da decisão do juiz”, disse um manifestante, Amr Magdy. “A praça de Tahrir ficará lotada de manifestantes novamente. No Egito, a única maneira de conseguir justiça é protestar, porque todas as instituições ainda são controladas por autoridades do governo de Mubarak”.

O procurador-geral registrou um apelo neste domingo contra a abolvição de seis autoridades da polícia acusados de matar manifestantes, e proibiu-os de viajar, disse o assistente do procurador.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x