4 de Dezembro de 2021

Dólar

Euro

Internacionais

Jornal Primeira Página > Notícias > Internacionais > Zona do euro salva Grécia com € 130 bi, mas impõe novos controles

Zona do euro salva Grécia com € 130 bi, mas impõe novos controles

21/02/2012 12h49 - Atualizado há 10 anos Publicado por: Redação
Zona do euro salva Grécia com € 130 bi, mas impõe novos controles

A zona do euro salvou mais uma vez a Grécia de uma moratória imediata ao dar finalmente nesta terça-feira sinal verde para um segundo resgate de € 130 bilhões até 2014, masem troca Atenastem que ceder parte de sua soberania e aceitar uma supervisão permanente pela chamada “troika” (um trio formado por Comissão Europeia, Fundo Monetário Internacional e Banco Central Europeu).

Após mais de 13 horas de intensas negociações entre o governo de Lukas Papademos, membros do Instituto Internacional de Finanças (IIF) – que representa os credores privados – a zona do euro deu o esperado “sim” a Atenas.

“Foi uma noite longa, mas saímos com a satisfação de um acordo. É um bom programa e evidentemente agora a questão é que a Grécia faça as reformas e se ponha a crescer”, afirmou o ministro de Economia e Competitividade espanhol, Luis de Guindos.

Bancos – Mas a zona do euro só deu sinal verde ao resgate após conseguir que a sustentabilidade da dívida grega fosse garantida até 2020 e que os bancos assumissem perdas maiores do que inicialmente previsto sobre seus bônus gregos na próxima troca.

Os bancos aceitaram uma perda de 53,5% do valor nominal dos bônus gregos, contra 50% inicialmente previstos.

O presidente do Eurogrupo, Jean-Claude Juncker, disse em entrevista coletiva que espera um “alto nível de participação” dos bancos na troca, que estabelece um cupom de 2% até 2014, de 3% de 2015 a 2020 e de 4,3% depois.

A maior participação dos credores privados contribuirá para diminuir a dívida grega de 160% do PIB para 120,5% em 2020, cinco décimos acima do que estava previsto.

A troika determinou em seu relatório sobre a sustentabilidade da dívida que a Grécia só podia reduzir sua dívida para 129% se não fossem tomadas medidas para evitar o desvio.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x