25 de Outubro de 2021

Dólar

Euro

Miltinho de Carvalho

Jornal Primeira Página > Notícias > Miltinho de Carvalho > Nhô Mércio: uma lenda da música caipira

Nhô Mércio: uma lenda da música caipira

12/06/2013 17h40 - Atualizado há 8 anos Publicado por: Redação
Nhô Mércio: uma lenda da música caipira

Mércio Finhana, mais conhecido por Nhô Mércio, nasceu na cidade de Dourado, interior de São Paulo, no dia 15 de junho de 1936. Deixou a sua cidade natal aos 10 anos de idade e mudou-se para a cidade de São Carlos no ano de 1946. é casado com a sra. Benedita há mais de 50 anos e tem dois filhos: Mércio Roberto e Meire Renata.

Nhô Mércio estudou na Escola Industrial durante quatro anos, quando aprendeu o curso de marcenaria.

Trabalhou em várias firmas de São Carlos: Indústrias Pereira Lopes, Lápis Johann Faber e outras.

Nhô Mércio, na década de 1960,l organizava em São Carlos, no aniversário da cidade, um carro alegórico com os violeiros locais, apresentando-se na avenida São Carlos em cima de um caminhão.

Nessa mesma época, Nhô Mércio participou de uma prova de resistência que era feita no mercado municipal. Ele ficou 31 horas seguidas em cima de uma bicicleta.

Nhô Mércio é devoto de Nossa Senhora de Aparecida e fala num ato de fé e com muita alegria. Ele fez a caminhada a pé até o Santuário da Capela de Nossa Senhora da Babilônia durante 60 anos.

Desde criança, Nhô Mércio sempre gostava de ouvir pelo rádio as modas caipiras de Tonico & Tinoco e Zé Fortuna & Pitangueira. “Isso me dava muita inspiração para fazer os meus poemas”, comenta.

Foi radialista em programas sertanejos por mais de 40 anos. Participou de vários festivais, se apresentou em muitas cidades da região fazendo as suas declamações e era sempre convidado especial para declamar os seus poemas em muitas empresas de nossa cidade, sendo sempre muito aplaudido onde quer que se apresentava.

Nhô Mércio começou os trabalhos no rádio em 1970. Trabalhou na Rádio São Carlos durante oito anos, quando apresentava o programa “Ranchinho do Nhô Mércio”.

No ano de 1970, Nhô Mércio participou em São Paulo, juntamente com o amigo Zé Boni e a dupla Caxiné & Caxiado do Festival na Beira da Tuia, da Rádio Bandeirantes.

Naquela oportunidade, a dupla prestou um grande homenagem ao amigo, na parceria do seu maior sucesso, a música “Pagode das Namoradas”.

No ano de 1978, Nhô Mércio trabalhou na Rádio Progresso de São Carlos, apresentando o programa “Rancho dos Violeiros”. Na rádio, ele trabalhou durante mais de 20 anos.

Em 1998 foi trabalhar na Rádio Intersom, onde apresentou durante oito anos o Programa Brasileirão, permanecendo até 2006.

Nhô Mércio, grande poeta declamador, gravou vários CDs demonstrativos e DVDs com seus poemas só para amigos.

Aos domingos Nhô Mércio, sempre que pode, participa da roda de viola do Rancho do Abacateiro, sempre contando os seus causos e fazendo as suas declamações..

Nhô Mércio diz que o mais importante para ele é não esquecer os nomes dos autores dos poemas. “Isto é uma honra e não pode ser esquecido”, comenta.

O amigo locutor Marcos Alcântara disse que sempre lembrava o jeito simples de Nhô Mércio quando apresentava o programa Brasileirão, da Rádio Intersom FM. “Quando eu apresentava o Brasileirão, todas as manhãs, eu não cansava de homenageá-lo no programa”.

Nhô Mércio, um grande abraço e um feliz aniversário, destes fãs que o admiram muito: Marcos Alcântara e Miltinho de Carvalho.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x