18 de Janeiro de 2022

Dólar

Euro

Miltinho de Carvalho

Jornal Primeira Página > Notícias > Miltinho de Carvalho > Saudades de Tião Carreiro

Saudades de Tião Carreiro

11/10/2012 22h39 - Atualizado há 9 anos Publicado por: Redação
Saudades de Tião Carreiro

Nesta segunda-feira, 15, completamos 19 anos sem o “Rei do Pagode”, Tião Carreiro.

 

Há exatos 19 anos, a música sertaneja perdia um de seus maiores compositores e intérpretes: Tião Carreiro. Violeiro, cantor e compositor, foi o grande inventor do “pagode” de viola.

Gravou inúmeros sucessos no gênero e tem suas composições regravadas por diversas duplas e cantores sertanejos da nova geração

Criado em fazenda, no município de Araçatuba, teve infância na roça e aos oito anos já dava seus primeiros acordes na viola. Aos 16 anos, iniciou a carreira artística, cantando em circos.

Em 1955, mudou-se para a capital paulista.

Formou dupla com vários parceiros, porém a mais conhecida, com maior tempo de duração e número de discos gravados, foi Tião Carreiro & Pardinho. Morreu em 1993, com 58 anos de idade, em decorrência de diabetes e problemas renais.

Difícil destacar um, entre tantos sucessos inesquecíveis de Tião Carreiro: “A coisa tá feia”, “Mundo Velho”, “Rio de Lágrimas”, “A vaca já foi pro Brejo” e “Em tempo de avanço” (todas com o parceiro Lourival dos Santos), “Amargurado” (com Dino Franco) e “Cabelo Loiro” (com Zé Bonito), são apenas alguns deles.

Difícil não perceber a riqueza das letras, presença constante na obra do mestre. Por mais que o tempo passe, seus temas continuam bastante atuais.

Em 2003, teve 9 músicas de sua autoria gravadas pelo cantor Daniel, no CD “Meu Reino encantado II”: “Encanto da Natureza”, com Luiz de Castro; “Mundo Velho”, com Lourival dos Santos; “Cabelo Loiro”, com Zé Bonito, contando com a participação especial de José Camillo; “Tudo Certo”, com Moacyr dos Santos, que contou com participação especial Cézar e Paulinho; “Versos aos pés do homem”,com Geraldinho, com participação especial de Matogrosso e Mathias; “Moradia”, com Craveiro e Nhõ Chico, com participação especial de João Mulato e Douradinho; “Prá tudo se dá jeito”, com Lourival dos Santos; “Viúva Rica”, com Edward Machi, com participação especial de Valderi e Mizael; “Tudo é Beleza”, com Lourival dos Santos, com participação especial de Craveiro e Cravinho; e “Minas Gerais”, com Lourival dos Santos.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x