Polícia

Dupla é detida pela Força Tática com grande quantidade de drogas e dinheiro durante abordagem


Dois indivíduos que não tiveram as suas idades divulgadas, foram detidos por policiais militares da Força Tática, durante o final da noite da última segunda-feira, 02, após serem surpreendidos em posse de grande quantia em entorpecentes e dinheiro, durante uma abordagem policial ocorrida nas dependências do bairro Jardim Novo 2 na cidade de Rio Claro.
Em patrulhamento preventivo pelas vias do respectivo bairro, militares do grupamento de Força Tática se depararam com ambos os indivíduos em atitude suspeita, cujos quais ao notarem a presença da viatura policial e a aproximação junto aos mesmos, tentaram empreender fuga a pé, onde ocasionaram um breve acompanhamento até serem contidos pelos PMs em abordagem.
Ao serem submetidos aos procedimentos de buscas pessoais, com um dos averiguados os policiais militares encontraram em sua posse, a quantia de 37 eppendorfs contendo cocaína e a quantia de R$ 390,00 em dinheiro, sendo que ao realizar buscas junto ao segundo indivíduo, com o mesmo os militares localizaram a quantia de 34 eppendorfs contendo a mesma droga.
Indagados a respeito dos fatos, ambos os acusados afirmaram que estariam realizando a comercialização de entorpecentes pelo bairro, onde nas dependências de uma mata, próxima ao local onde a dupla foi contida nas diligências, os PMs localizaram em buscas, escondidos, mais 38 pacotes, contendo em cada um cerca de 35 eppendorfs com cocaína em cada, que totalizaram juntos a quantia de 0,855 gramas do entorpecente, e a quantia de 1.330 pinos com a respectiva substância.
Diante do encontro do material e as circunstâncias da averiguação realizada, a dupla recebeu voz de prisão e em ato continuo foi levada até as dependências do Plantão da Polícia Civil de Rio Claro, sendo os fatos apresentados ao delegado de polícia plantonista, que diante das informações recebidas determinou pela elaboração do registro de Boletim de Ocorrência de Flagrante Delito de Tráfico de Drogas, com base no artigo 33 do Código Penal Brasileiro, onde posteriormente ambos os indiciados foram autuados, e recolhidos para a Cadeia Pública de Rio Claro, permanecendo a disposição da Justiça.

comments icon0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *