15 de Junho de 2021

Dólar

Euro

Polícia

Jornal Primeira Página > Notícias > Polícia > Escriturário é atropelado sobre um skate por caminhão, e morre na Rodovia SP-318

Escriturário é atropelado sobre um skate por caminhão, e morre na Rodovia SP-318

Além do veículo pesado, um automóvel também passou sobre o corpo da vítima, que foi anteriormente arrastado por cerca de 100 metros

09/05/2021 06h15 - Atualizado há 1 mês Publicado por: Redação
Escriturário é atropelado sobre um skate por caminhão, e morre na Rodovia SP-318 Fotos: Jornal Primeira Página

Um escriturário de 31 anos, identificado como Suelio de Oliveira Lourenço, morreu por volta das 05h30 da manhã deste domingo (9), após ter sido atropelado por um caminhão Mercedes-Benz Atego 2425, Branco, Ano e Modelo 2010, Placas de São Carlos (SP), na Rodovia Engenheiro Thales de Lorena Peixoto Junior (SP-318) em São Carlos (SP).

O fato ocorreu na altura do Km-240, no sentido São Carlos (SP) para Ribeirão Preto (SP), onde de acordo com as versões apresentadas pelo condutor do veículo pesado, ele seguia com o caminhão pela malha rodoviária, carregado com vasilhames, tendo como destino a cidade de Altinópolis (SP), quando no referido local, acabou não avistando a vítima, que trafegava no meio da faixa de rolagem da rodovia sobre um skate e o atropelou, sendo ainda o escriturário arrastado por aproximadamente 100 metros.

Diante das versões apresentadas pelo motorista ao delegado plantonista, Adriano Callsen Alexandrino e sua equipe, além de policiais militares que preservavam à área dos fatos, uma testemunha, sendo um Atendente de 26 anos, que seria o condutor de um automóvel Ford Fiesta 1.6 Flex, Prata, Ano 2010, Modelo 2011, Placas de São Carlos (SP), este relatou à autoridade policial, que seguia na companhia de uma moça no carro, com destino à um motel pela referida rodovia, quando sentiu um forte impacto contra o veículo, e achou que tivesse atropelado um animal, e teve o radiador estourado na batida, porém, era o corpo da vítima, que estaria todo retorcido, dilacerado e desmembrado, inclusive sem parte da cabeça sobre a faixa de rolagem da rodovia.

Sendo acionada a Polícia Técnico-Científica para os trabalhos de perícia técnica, foram apreendidos os discos de tacógrafo do caminhão, que segundo a equipe do IC (Instituto de Criminalística), estaria apresentando discrepância nas datas e horários, onde ao término dos procedimentos, o corpo do escriturário foi removido pela funerária de plantão, e encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal).

O caso foi registrado no Plantão da Polícia Civil de São Carlos (SP), como Homicídio Culposo na Direção de Veículo Automotor, devendo ser o caso investigado pelo policiamento judiciário.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x