Polícia

Homem é alvejado por tiro após discussão devido a colisão de veículos na Vila Prado


Um homem de 37 anos ficou ferido na manhã desta quarta-feira, 09, depois de ser alvejado por um disparo de arma de fogo, decorrente a uma discussão devido a uma colisão de veículos, no bairro Vila Prado.
Os tiros, foram efetuados por um companheiro de profissão da vítima que na sequência se evadiu do local com destino ignorado, nas dependências de uma obra situada na Rua Doutor Gastão de Sá, onde com ferimentos, o trabalhador foi socorrido pelo seu encarregado até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Vila Prado, para os primeiros atendimentos médicos.
Decorrente ao fato, uma solicitação via 190, foi realizada junto ao Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM), para a presença de uma equipe de militares até a referida unidade hospitalar, onde na chegada dos PMs, a vítima foi questionada sobre o ocorrido, e relatou aos policiais militares que no decorrer da tarde da última terça-feira, 08, o mesmo enquanto estacionava seu veículo acabou encostando sobre o automóvel de pertence do acusado, que na ocasião exigiu para que o mesmo reparasse os danos ocasionados no seu veículo, sendo que ao verificar o ocorrido, o causador da colisão afirmou ao mesmo que ambos os carros não apresentaram danos algum, não sendo necessário o ressarcimento para manutenção.
Ao chegar no trabalho, a vítima foi novamente rendida pelo acusado que mais uma vez cobrou pela solução dos fatos, onde ao ter a negativa do pagamento de tal manutenção na qual o mesmo desejava, em ato continuo o indivíduo sacou de uma arma de fogo e fez dois disparos, onde um deles veio a atingir o ombro do seu companheiro de profissão, e transfixando seu ombro.
Devido ao ferimento, foi solicitado na referida unidade hospitalar onde estaria sendo realizado o atendimento da vítima, por uma Unidade de Suporte Básico (USB) do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), para a transferência do paciente ao Serviço Médico de Urgência (SMU) da Santa Casa de São Carlos.
Com base nas características do acusado, diligências foram realizadas pela Polícia Militar mais o indivíduo não foi encontrado, onde na sequência os fatos foram apresentados junto ao delegado de polícia Walkmar Silva Negré no 2º Distrito Policial da Vila Prado, que realizou o registro de Boletim de Ocorrência de Tentativa de Homicídio, com base no artigo 121 do Código Penal Brasileiro, devendo ser o delito investigado pela Polícia Civil.

comments icon0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *