12 de Agosto de 2022

Dólar

Euro

Polícia

Jornal Primeira Página > Notícias > Polícia > Popular cabelereiro são-carlense é preso pela DDM por pedofilia e zoofilia

Popular cabelereiro são-carlense é preso pela DDM por pedofilia e zoofilia

Após análises de provas, Juiz de Direito, Antônio Benedito Morello, determinou pela expedição de mandado contra o acusado

28/07/2022 09h03 - Atualizado há 2 semanas Publicado por: Redação
Popular cabelereiro são-carlense é preso pela DDM por pedofilia e zoofilia Foto: Jean Guilherme / Jornal Primeira Página
Reportagem: Jean Guilherme

 

Um popular cabeleireiro da cidade de São Carlos (SP), de 59 anos de idade, acabou sendo preso preventivamente pela DDM (Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher), na última quarta-feira (27), acusado pelas práticas dos crimes de pedofilia (atos sexuais com crianças e adolescentes) e também zoofilia (atos sexuais com animais), em uma ação desencadeada na região central da cidade.

Segundo o que foi apurado pela reportagem do Jornal Primeira Página, a equipe comandada pelas delegadas de polícia, Denise Gobbi Szakal e Beatriz Mendes Pereira Lopes, estaria realizando investigações contra o cabeleireiro, depois do recebimento de denúncias anônimas, apontando que o indivíduo estaria mantendo relações com menores de idade e também animais de sua residência.

Diante de materiais que foram anexados em inquérito investigativo instaurado pelo policiamento judiciário, foi representado junto ao Poder Judiciário e Ministério Público do Estado de São Paulo, pelo pedido de prisão preventiva do indivíduo, onde depois de analisar as provas e demais informações da Promotoria Pública sobre o caso, o Juiz de Direito da 1ª Vara Criminal da Comarca de São Carlos (SP), Antônio Benedito Morello, expediu mandado de prisão preventiva contra o cabeleireiro, e em uma ação em campo, os policiais civis lograram êxito em deter o acusado nas dependências de sua moradia, localizada no Centro da cidade.

Em posse de um Mandado de Busca e Apreensão, os agentes apreenderam o aparelho de telefonia celular e o computador do cabeleireiro, sendo tais objetos encaminhados ao IC (Instituto de Criminalística), para todos os procedimentos periciais necessários, uma vez que arquivos e algumas informações ‘fechadas’, foram localizadas nos equipamentos eletrônicos. O telefone móvel do indiciado, foi levado até a Polícia Técnico Científica em São Paulo, onde em um levantamento completo de arquivos e demais dados, foram encontrados pela equipe de peritos fotos e vídeos, envolvendo crianças e adolescentes e também cenas de sexo com cães (vários).

Detido, o cabeleireiro foi encaminhado até a sede da DDM (Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher), onde na companhia de um advogado de defesa, se reservou em falar somente em juízo, sendo ao término de todos os procedimentos necessários sobre a ocorrência, registrada como pedofilia e maus tratos contra animais (zoofilia), foi recolhido para uma cela separada no Centro de Triagem de São Carlos (SP), onde ficou a disposição da Justiça.

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
1 Comentário
Mais antigas
Mais novos Mais Votados
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
And
And
14 dias atrás

Esse mundão tem que acabar mesmo castrar seria uma ótima solução pra um nojento desse que nojo desses tipos de seres humanos 🥺

0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x