8 de Março de 2021

Dólar

Euro

Política

Jornal Primeira Página > Notícias > Política > Barba terá 52,22% do tempo de rádio e TV

Barba terá 52,22% do tempo de rádio e TV

29/06/2012 08h22 - Atualizado há 9 anos Publicado por: Redação
Barba terá 52,22% do tempo de rádio e TV

Com onze partidos das mais diversas matizes ideológicas, no estilo “Arca de Noé”, a coligação que apoia a reeleição do prefeito Oswaldo Barba (PT) terá nada menos do que 52,22% do tempo de rádio e TV na propaganda eleitoral que será veiculada entre 21 de agosto e 4 de outubro. O petista e os partidos de sua coligação terão à disposição nada menos do que 10 minutos e 22 segundos (nos 20 minutos que se referem ao tempo proporcional à representatividade dos partidos na Câmara dos Deputados).

Cada bloco de publicidade eleitoral será de 30 minutos. Assim, os outros 10 minutos serão distribuídos de forma igual entre todos os candidatos a prefeito. Caso haja 5 concorrentes, cada um terá 2 minutos. Assim, Barba chegaria a 12 minutos e 22 segundos de cada bloco de 30 minutos. A aliança política que apoia Barba e Normando Lima (vice) reúne atualmente PT, PV, PTB, PR, PSD, PDT, PSB, PCdoB, PSC, PTC e PPL.

O tempo proporcional de TV que corresponde a dois terços do tempo total de 60 minutos diários é dividido conforme o número de representantes na Câmara dos Deputados eleitos em outubro de 2010, considerado, no caso de coligação, o resultado da soma do número de representantes de todos os partidos políticos que a integram.

Como o PMDB, sozinho, tem 15,40% do tempo total de horário eleitoral, o partido, se unindo ao Bloco Democrático (PPS, PP e PRP), poderá utilizar 7 minutos e 21 segundos ou 26,12% do tempo total de mídia eletrônica para apresentar seu programa eleitoral durante a campanha municipal.

Caso confirme a união, PSDB, DEM, PHS, PT do B e PTN, que têm como pré-candidato a prefeito o tucano Paulo Altomani, a coligação terá a sua disposição um total de 19,68% do total do tempo de rádio e TV. A coligação liderada pelo tucano contará com 5 minutos e 55 segundos, somando-se o tempo proporcional à representatividade dos partidos (3 minutos e 55 segundos), mais os dois minutos que devem ser rateados de forma igual para todos os prefeituráveis.

Com apenas 7 segundos de tempo de mídia eletrônica pela sua representatividade na Câmara dos Deputados, o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), do prefeiturável Flávio Lazzarotto, terá mais dois minutos do tempo igualitário, ficando com 2 minutos e 7 segundos. Quem terá menos tempo ainda será o professor José Benedito Sacomano, com apenas os 2 minutos do tempo distribuído entre todos os candidatos à sucessão municipal.

Dos três partidos ainda indefinidos que têm tempo de TV previsto na representação no Congresso, o PMN tem 9 segundos, o PRTB tem 4 segundos e o PSL conta com 2 segundos.

 

HORÁRIO ELEITORAL – A propaganda eleitoral em rede é veiculada em dois períodos diários de 30 minutos cada, exceto aos domingos. Às segundas, quartas e sextas, para a eleição de prefeito e vice-prefeito. Às terças, quintas e sábados, para a eleição de vereador. Aos domingos não são exibidos programas eleitorais, mas as inserções são divulgadas normalmente.

 

 

Recomendamos para você

Comentários

Assinar
Notificar de
guest
2 Comentários
Mais antigas
Mais novos Mais Votados
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
olho de lince
olho de lince
8 anos atrás

PSB e PC do B fletaram com o bloco democrático, estimularam a candidatura alternativa de Eduardo Cotrim, mas preferiram manter os cargos na atual administração, submissos às ordens do PT.
Não está na hora de mudar o diretório dessas legendas para que se encoragem a voar o voo da liberdade, ou se realizam na condição de subservientes?
Estarão os doutores Francisco e Gentil confortáveis nesse arranjo eleitoreiro, que garante o salário de alguns poucos apaniguados dos respectivos partidos?

Ana
Ana
8 anos atrás

esse altomani me enoja.

0
Queremos sua opinião! Deixe um comentário.x
()
x