Política

Marquinho Amaral substitui Mazola na Câmara

• Bookmarks: 2


Suplente a vereador do PSDB Marquinho AmaralCom base no artigo 309, parágrafo 1º, da Lei Orgânica Municipal, a bancada do PSDB, a pedido da família do vereador Dorival Mazola, requereu o licenciamento médio dele pelo período de 60 dias, conforme manda o atestado médico. Portanto, a Mesa Diretora tem até 10 dias para convocar o suplente do partido, Marquinho Amaral, para assumir a vaga na Câmara.

Para Amaral, esta será uma oportunidade de convocar a oposição para um posicionamento mais ostensivo em relação ao governo municipal, comandado pelo PT. “A bancada oposicionista do Legislativo, ou pelo menos que se autointitula oposicionista, está lerda. A oposição é frouxa, complacente com os atos errados e imorais do governo Barba. Nós estamos observando os inúmeros problemas da saúde pública como falta de consulta, um Hospital Escola que já consumiu mais de R$ 60 milhões dos cofres públicos e que ainda não funciona, e manda os casos para a Santa Casa”, denuncia.

“Nós recebemos denúncias de que as pessoas que são contratadas para cargos de confiança, são obrigadas a se filiarem aos partidos aliados do PT. Estão usando o dinheiro público para trazer forasteiros para assumirem postos públicos e possivelmente candidatos nas eleições municipais em 2012”, denuncia Amaral.

O suplente de vereador do PSDB dispara a metralhadora giratória e afirma que o prefeito Barba é uma marionete na mão do PT. “Ele é comandado, um fantoche nas mãos do ex-prefeito e atual deputado federal Newton Lima, que manda e desmanda na cidade”, declara.

“Volto para a Câmara, infelizmente em uma circunstância desfavorável, na qual o nosso companheiro Mazola se encontra afastado por motivos médicos, mas a lei diz que nesta situação a suplência tem de assumir, portanto vamos assumir”, explica Amaral, em tom de mea culpa. “Vou assumir de fato e de direito a vereança. Um parlamentar independente que não negocia apoio com a base do governo. Vejo muitos vereadores com título de oposição, mas sendo pautados pelo governo municipal”.

O suplente do PSDB não deixa de atirar nos próprios companheiros quando fala que ele não conhece um parlamentar que se levanta da cadeira no gabinete para verificar o atendimento nos postos de saúde. “Nós estamos com esse governo há dois anos e oito meses e desconheço o vereador que tenha visto de perto o drama daquelas pessoas que chegam aos postos de saúde e não encontram o remédio que precisam, ou tenham que ficar na espera por até quatro meses para um exame de urgência, ou, mais trágico ainda, pacientes que estão na fila da UTI e que morrem nos corredores da Santa Casa por falta de leito no tratamento intensivo. É disso que estou falando e que pretendo cobrar da base oposicionista”, relata.

De acordo com Marquinho Amaral, seu papel na Câmara será o de falar aquilo que a população quer que se fale. “A cidade está suja, abandonada, um caos. Referendando o ex-deputado Lobbe Neto, quando afirmou que falta um administrador para São Carlos, eu complemento que este personagem político também tem de ter pulso forte”, declara Amaral. {jcomments on}

2 recommended
comments icon0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *