Política

No aniversário de São Carlos Airton reafirma o compromisso de melhorar a cidade


Para Airton Garcia a cidade de São Carlos melhorou muito, porém ainda há coisas que precisam ser feitas. Para o prefeito muitas obras estão ocorrendo na cidade e melhorando a qualidade de vida. O recape, as obras de conservação, a troca da iluminação pública e a educação são grandes destaques.

Na sexta-feira Airton atendeu o jornal Primeira Página e respondeu perguntas de leitores. Ele considera que a sua administração trouxe melhoras ao município.  “A Prefeitura não atrapalhando, já ajuda bastante. Há um empenho da nossa administração em realizar o máximo possível”.

Confira a entrevista na integra.

1 – O recape é uma obra muito importante. Porque o senhor elegeu arrumar as ruas de São Carlos como uma das suas prioridades?

A operação tapa-buraco não funciona em todas as vias da cidade. Em muitas regiões, e sabemos que não são poucas, somente vamos resolver o problema com o recape. A cidade sofre muito com a buraqueira, temos uma malha viária velha que ficou muito tempo sem manutenção. Desde 2017 a Prefeitura vem investindo no serviço de recape, utilizando recursos próprios, emendas parlamentares e recursos conquistados junto ao Governo do Estado, a fundo perdido, no valor de R$ 4 milhões.

Com certeza estamos fazendo a maior obra de recapeamento de São Carlos, um investimento de R$ 20 milhões com recursos da Caixa Econômica Federal, por meio do Programa de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento – FINISA, para recuperar 956 quarteirões, o equivalente a 95 km.

Mas não paramos por ai e conseguimos mais R$ 30 milhões junto ao Banco do Brasil e com isso vamos atender mais 27 bairros com o recape de outros 1.500 quarteirões. Colocamos a casa em ordem, e agora o serviço de recape não vai parar até o final da minha administração. A nossa intenção é recapear 90% das ruas da cidade em quatro anos.

2- E falando em prioridade a educação também foi uma das preocupações do senhor, porém com investimento certo hoje a educação da cidade é bem avaliada. Como ocorreu este avanço?

Investimento, essa é palavra de ordem para melhorar os índices da educação. Hoje em São Carlos investimos quase 30% do orçamento na área da educação, percentual maior do que a lei estabelece, que é de 25%, sem contabilizar gastos com a merenda e uniformes.

Conseguimos abrir 2.060 novas vagas na educação infantil e 527 no ensino fundamental. Para isso foi necessária a ampliação de algumas unidades e a construção de outras. Já entregamos 4 novas escolas: CEMEI Nilson Aparecido Gonçalves, no Jardim Embaré, CEMEI Profª Regina Aparecida Lima Melchíades, no Parque Novo Mundo; instalamos a EMEB Névio Dias no Centro da Juventude Lauriberto José Reys, no Cidade Aracy; e acabamos de inaugurar o CEMEI Carminda Nogueira de Castro Ferreira, no Eduardo Abdelnur.

Estamos construindo a EMEB Ulysses Ferreira Picollo, também no Abdelnur; a EMEB Alcir Afonso Leopoldino, no Araucária e o CEMEI Flávio Aparecido Ciaco, no Planalto Verde.

Vale lembrar que recentemente São Carlos foi considerada pelo Ranking Connected Smart Cities como a 3ª melhor cidade do Brasil na área da educação.

4 – A saúde ainda tem problemas, mas melhorou prefeito?

A saúde sempre requer sempre mais investimentos. Hoje em São Carlos investimos 25% na saúde quando a lei estabelece 15%. E é claro que nosso desejo é avançar. Nosso primeiro desafio foi a reabertura das UPAS, foi difícil, mas conseguimos. Já entregamos as Unidades de Saúde do Santa Angelina e do Cidade Aracy, obras que ficaram paradas por mais de 10 anos. Agora estamos concluindo outras duas que já se tornaram polêmicas de tanto que começou e parou: as unidades de saúde do Zavaglia e do CDHU.

As Unidades Básicas de Saúde do Parque Delta e da Redenção foram revitalizadas e ampliadas e no momento estamos trabalhando na USF de Água Vermelha. Contratamos mais médicos, principalmente de urgência e emergência e abrimos outro concurso para tentar contratar mais especialistas para o CEME. Uma ou outra medicação ainda falta, muitas vezes porque são remédios que chegam por meio de programas do estado ou da união, mas que melhorou, melhorou!

Prestar um atendimento digno e com qualidade, acolher os pacientes e garantir resolutividade no cuidado são metas da Prefeitura.

5 – O senhor sempre valorizou os servidores. O que a prefeitura tem feito para incentivar o funcionalismo público?

Nossa primeira ação foi regularizar o pagamento do funcionalismo. Hoje eles recebem rigorosamente em dia, não que isso não seja obrigação, mas não era assim. Também conseguimos voltar a antecipar o 13º salário e umas das principais questões que conseguimos resolver foi quanto à regularização do cartão do Ticket Alimentação.

6 – E para 2020 o que a população pode esperar?

Mais Melhorias. Sabemos quais são as prioridades e desenvolver ações para que elas sejam atendidas, são exigências básicas no dia a dia de um gestor que busca sintonia entre o que precisa ser feito e o que é possível fazer, sempre com cautela, segurança e qualidade.

Nesse aniversário de 162 anos de São Carlos os parabéns precisam ser dirigidos a todos os seus moradores, nascidos ou não aqui, porque, afinal, são eles que fazem o dia a dia da cidade e contribuem, com seu trabalho, para que ela conquiste cada vez mais indicadores de desenvolvimento que revelam a qualidade de vida que temos e que tanto nos orgulha.

comments icon0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *