Política

Vereador se desculpa e faz novas denúncias


O vereador Equimarcílias de Souza Freire (PMDB) utilizou a tribuna da Câmara Municipal durante a sessão de ontem e se desculpou com o deputado estadual Roberto Massafera, do PSDB, a quem havia chamado de “bandido”.

“Eu sou um ser humano e erro mil vezes por dia. A gente peca e erra tentando acertar. É importante sermos humildes e sabemos nos desculpar. Quero publicamente pela frase que utilizei. A frase é bandido. Quero retirar esta frase quando me dirigia ao deputado Roberto Massafera. Peço desculpas pela frase”, ressaltou Freire.

Por outro lado, o parlamentar peemedebista fez novas acusações. “Mas quero fazer uma ressalva. Eu continuo pedindo explicações ao deputado Massafera. Ele deve explicações aos seus eleitores. O PSDB local deve explicações”.

Freire diz que depois de se eleger para o parlamento paulista, Massafera se afastou das empresas da família. “Depois que ele virou deputado, ele se afastou das empresas. Por conveniência, me parece. Porque, a partir daí, a empresa do senhor Massafera passeou como o vento no governo do Estado de São Paulo”.

Segundo Freire, as empresas de Massafera executaram as obras de reformas das escolas estaduais Orlando Perez, João Jorge Marmorato, Aracy Leite Pereira Lopes, Professor Sebastião de Oliveira Rocha, Alice Maria, Marivaldo Carlos Degan. Marlene Terezinha Longuin e Luis Augusto de Oliveira.

Segundo o vereador, quem questiona as empresas de Massafera é o Tribunal de Contas do Estado (TCE). “Duas empresas da família do deputado Roberto Massafera somam R$ 67,7 milhões em contratos com o governo paulista a partir de 2007. Três contratos dos irmãos, o TCE condena por irregularidades. Houve casos em que a empresa estava em sétimo lugar e ganhou a concorrência. Houve casos em que a empresa vencedora foi desclassificada sem motivo plausível e a empresa do deputado Massafera foi escolhida”.

Para o vereador, está na hora de o parlamentar tucano prestar contas à população e aos seus eleitores de São Carlos. “Eu acho que em vez de me processar, ele deveria se explicar. Ele conseguiu 9 mil votos em São Carlos. Como a empresa de sua família participa de contratos desta natureza? O senhor Massafera tem três condenações na Prefeitura de Araraquara. Me calar não vai. Não adianta me ameaçar com processos. Quer me processar, processe. Quero saber como esta empresa faz estas mágicas”.

Freire ainda insinuou que o ex-deputado Lobbe Neto poderia estar envolvido com as empresas de Massafera com a apresentação de uma emenda de obras em uma escola realizadas pela construtora da família do deputado do PSDB.

comments icon0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *