Torpedos 28-06-2019

28 de junho de 2019


Aniversário

Faz quatro meses que este vazamento perturba o morador da rua Jorge Tibiriça, 238, no Jardim Centenário. Ele pede providências do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE).

Racha

A Prefeitura de São Carlos prorrogou o prazo para os motoristas de aplicativos regularizarem a situação. Eles terão até o dia 31 de agosto para circularem na legalidade. Até aí, tudo bem, mas nos bastidores o bicho está pegando com os motoristas. A fissura é enorme.

Racha II

Há uma associação de motoristas legalizada – a AMASC. Também há uma entidade chamada União de Motoristas, que é coordenada por Julio Castro. Este não seria motorista de aplicativo, mas sim um aposentado por invalidez pelo INSS. Agora, há uma terceira entidade surgindo. Esta não concorda com a AMASC e muito menos com a União de Motoristas.

Racha III

Muitos motoristas dizem que não se sentem representados por Julio Castro, uma vez que ele é um sujeito explosivo, com visíveis sinais de transtorno, e que não teria sido aceito pelas plataformas, logo não conhece a realidade da categoria.

Diz o ditado

“Cão com muitos donos, morre de fome”, já dizia a vovó Serafina.

Pifou

O veículo Bora da Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano apresentou problemas sérios no motor. Os mecânicos dizem que o carro não suportou o excesso de peso.

Tocado

O vereador Moisés Lazarine (DEM) foi enxotado da sala do secretário de Governo, Edson Fermiano na manhã de ontem. O político possui familiares que fazem o transporte escolar (três vans) e tentava pressionar a Prefeitura a revisar a lei aprovada recentemente. Em suma, o político – afilhado do pastor Ismael da Silva – tenta botar a faca no pescoço do governo, legislando em causa própria.

Tocado II

Moisés Lazarine tentou promover balbúrdia na Prefeitura com um grupo de motoristas de vans, o que deixou o secretário Fermiano muito revoltado. Ele não se nega a atender ninguém, contudo precisa agendar.

Coragem

O ativista e influenciador digital Ivan do Amaral foi ao Ministério Público (MP) para denunciar o desrespeito à lei municipal que proíbe o uso de escolas municipais como abrigo de estudantes universitários. Mais uma vez, o secretário de Esportes, Edson Ferraz, se sente acima do bem ou do mal. Na verdade, ele se sente a própria lei.

Reflexão

Edson Ferraz quer ser candidato a prefeito de São Carlos. Agora, como eleger um cidadão que atropela a lei? Conhecido na Prefeitura como ‘cheiroso’, o negócio pode ‘feder’ para o secretário se o Ministério Público quiser investigar esse ultraje à lei municipal.

Importância

As Economíadas geraram R$ 2 milhões à economia, segundo os organizadores. A festa foi muito importante para o comércio, não resta dúvida. E alguns tiveram 100 mil motivos para aplaudirem esta festa. Os fortes entenderão.

Ruptura

O casamento Paulo Altomani/Claudio di Salvo acabou. Os políticos que administraram a cidade faziam juras de amor. Hoje, não trocam mais aquelas mensagens cafonas de bom dia no zapzap.

Especulação

Cidinha do Oncológico teria procurado abrigo no PDT. Roselei Françoso, no PSB. Gustavo Pozzi quer apoiar Netto Donato a prefeito em 2020 e como diria Mendes Aguiar, hoje é sexta-feira. Portanto, não beba, não mate, não morra. Tome água. Ela te dá lucidez. Bom dia!

comments icon 0 comentários
bookmark icon

Write a comment...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *