Segunda-feira, 24 Setembro 2018  13:00:27

Jeferson Vieira

No mês de agosto, a Estapar promoveu, em conjunto com a Prefeitura de São Carlos, uma campanha de orientação à população sobre o uso da Área Azul Digital no município. Desde o dia 06 de agosto, foram distribuídos 30 mil panfletos informativos. Houve, ainda, a divulgação de 360 inserções em sete rádios locais e de vídeos explicativos nas redes sociais e site da Estapar e Prefeitura Municipal.

A campanha teve como objetivo explicar e instruir os usuários da Área Azul Digital de São Carlos sobre todo o processo, desde as opções para a compra do tíquete até como regularizar a situação em caso de cobrança.

Durante o mês de conscientização, mais de dois mil novos cartões recarregáveis foram emitidos. Já o número de notificações de Aviso de Cobrança de Tarifa, por falta de pagamento pelo uso da vaga, chegou a 6.258. Destas, apenas 2.120 foram regularizadas, até o dia 25 de agosto.

Com a realização da campanha, a partir de 10 de setembro os agentes de trânsito da cidade, através do videomonitoramento online, poderão aplicar as penalidades previstas no Código de Trânsito Brasileiro aos usuários que não respeitarem as normas do estacionamento rotativo, que são as seguintes: gratuidade de 30 minutos por dia no cartão recarregável: o usuário tem acesso a 30 minutos de gratuidade no cartão recarregável por dia, sendo 15 minutos pela manhã e outros 15 minutos à tarde. Para habilitar ou solicitar um novo cartão, basta comparecer à Central de Atendimento ao Usuário e fazer o pedido. Vale ressaltar que o tempo de gratuidade do cartão recarregável não pode ser utilizado para regularizar o Aviso de Cobrança de Tarifa. Os preços e as formas de pagamento: o pagamento pelo uso da Área Azul Digital pode ser realizado no parquímetro mais próximo ou pelo aplicativo Vaga Inteligente da Estapar, que pode ser baixado gratuitamente. Os valores do estacionamento rotativo são: R$0,85 (30 minutos), R$1,70 (1 hora) e R$3,40 (2 horas). Está dispensada a obrigatoriedade de deixar o tíquete de pagamento no para-brisa do veículo. O motorista deve apenas guardá-lo para o seu controle.

Cobrança

Quando o motorista não realiza o pagamento da tarifa pelo tempo estacionado, ele recebe o Aviso de Cobrança de Tarifa. A partir do horário indicado na notificação, o usuário tem o prazo de 10 minutos para adquirir o tíquete e regularizar a situação. O pagamento pode ser feito no parquímetro ou pelo aplicativo Vaga Inteligente. Caso perca o prazo, o usuário tem até 24 horas, a contar do horário do recebimento do aviso, para pagar a taxa de pós-utilização no valor de R$ 5,00 e não ser multado pela Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito.

A fiscalização dos veículos estacionados na Área Azul Digital é realizada pelas agentes da Estapar, por meio de vídeos ao vivo, que são reproduzidos na Central de Monitoramento da Prefeitura. Desta forma, os agentes de trânsito da cidade podem aplicar as penalidades previstas no Código de Trânsito Brasileiro aos usuários que não respeitarem as regras do estacionamento rotativo, que conta com 2.286 vagas.

Por meio do aplicativo Vaga Inteligente, disponível para Android e IOS, é possível pagar, renovar e regularizar o tíquete até o tempo máximo permitido, além de emitir a tarifa de meia hora. Com a função GPS, o aplicativo permite que o veículo estacionado seja facilmente encontrado. É possível, ainda, configurar um alerta de vencimento do tempo de uso, para evitar o recebimento do Aviso de Cobrança de Tarifa e multas.

A campanha de comunicação chega ao fim, porém as agentes da Estapar estarão sempre à disposição para explicar e orientar da melhor forma possível sobre o funcionamento do estacionamento rotativo. Em caso de dúvidas, o usuário pode procurar a Central de Atendimento na Rua Major José Inácio, 1958 – Centro, ou pelo telefone (16) 3371-1239.

Na manhã do próximo domingo (9), mais uma vez atletas de toda a região estarão percorrendo as ruas da cidade de Ibaté pela 6ª Etapa do 3º Campeonato Corrida Treino de Rua Ibaté, que vem sendo realizado todos os meses desde março.

Dessa vez a largada será no Estádio Municipal “Dagnino Rossi” e percorrerá a distância de cinco quilômetros. “Nessa etapa teremos uma parte do percurso em terra, pois iremos levar os atletas a conhecer a área rural da cidade, o percurso terá sua largada e chegada em frente ao Estádio Municipal, porém durante o percurso irão passar por trás da antiga CBT e terão destino das chácaras um ambiente saudável com natureza e uma vista maravilhosa”, disse o diretor do Departamento de Esportes e Lazer de Ibaté (Despi), Raul Seixas II Betune Pereira.

Nesta etapa serão premiados com medalhas os dez primeiros colocados no masculino geral e as dez primeiras feminino geral da corrida, além dos três primeiros colocados de cada categoria.

A prefeitura disponibilizará água, frutas e sucos durante o percurso e na chegada e lembrando que não tem custo algum para o atleta. “Estamos buscando dar todo o apoio aos atletas aqui de Ibaté nas competições e ajudando com esse campeonato, o que acaba ajudando os atletas de toda a região, que participam aqui e se preparam para grande corridas. Com isso oferecemos toda estrutura necessária para realização da Corrida Treino”, observou o prefeito José Luiz Parrella (PSDB).

Para fazer a inscrição, o atleta precisa passar o nome completo, data de nascimento e cidade ou equipe que representa.

As inscrições são realizadas até momento antes da largada ou pelo e-mail esporte@ibate.sp.gov.br ou telefone (16) 3343 2323.

Pamela Wu conquista espaço no Ranking do WTA

Quarta, 05 Setembro 2018 08:19 Publicado em Esporte

A atleta Pamela Hsi An Wu do CFR - Centro de Formação e Rendimento de São Carlos acaba de conquistar seu espaço no mundo profissional do tênis mundial ingressando no Ranking do WTA (Women's Tennis Association), associação esportiva internacional que organiza as competições tenísticas profissionais femininas no mundo inteiro.

Pamela, de 21 anos, que treina em São Carlos desde janeiro de 2017, venceu na terça-feira (28), no Paraguai a tenista da casa Sarah Tami, acumulando três resultados positivos no período de um ano. Em outubro de 2017, a atleta teve resultado também no Paraguai, e, duas semanas atrás, chegando as quartas de final da competição em Guayaquil, no Equador.

“É uma sensação muito boa ter saído com a vitória de hoje, resultado que vem aparecendo dos trabalhos do dia-dia no CFR e mostra que estou no caminho certo para alcançar meu objetivo! Comecei o jogo bem nervosa! Foi uma partida muito dura, apesar do nervosismo consegui me concentrar no que eu tinha que fazer e acabei saindo com a vitória! E com esse resultado eu vou finalmente aparecer no ranking WTA. Eu estou muito feliz! Vou continuar trabalhando duro para alcançar novos objetivos! ”, diz Pamela.

“Se tornar um jogador profissional no tênis é muito difícil porque são necessários três resultados válidos, ou seja, ganhar três jogos na chave principal de um torneio de 15 mil dólares no período de um ano, e a Pamela conseguiu”, explica Elson Longo, tutor em Biomecânica para a Federação de Tênis Internacional – ITF, e da Confederação Brasileira de Tênis – CBT; treinador do CFR, o maior centro de treinamento do Brasil.

PUBLICIDADE

Atlântica

PUBLICIDADE

Jornal 1ª Primeira Página. Todos os direitos reservados.