Quarta-feira, 22 Novembro 2017  20:00:19

De Saulo-perseguidor à Paulo-apóstolo

  • Escrito por  Padre Márcio André Massola Gaido

Em toda conversão existe o “mistério” em relação à razão da mudança. Esse mistério está tão “enraizado” na personalidade do indivíduo, que nem este último entende completamente o seu porquê. Em última análise a pessoa afirma que fez o que devia ser feito naquele momento. Nas palavras de Paulo “fui conquistado por Jesus Cristo” (Fl 3,12). Para Paulo, a iniciativa de Deus se torna central em sua espiritualidade. Deus não “força” o ato de fé. Esse encontro com Cristo levou Paulo a ver o Evangelho como uma novidade total. Paulo afirma que a salvação vem não pela lei, mas pela fé em Jesus Cristo, o qual comunica o Espírito de vida e de liberdade (Rm 8,1-3).   

Avalie este item
(0 votos)

Adicionar comentário

Atenção

• Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post e são de inteira responsabilidade de seus autores.

• Não representam necessariamente a opinião deste jornal.

PUBLICIDADE

Bogas
Prefeitura Dengue v3
Prefeitura Dengue v2
Anacã
Jornal 1ª Primeira Página. Todos os direitos reservados.