Quarta-feira, 20 Junho 2018  03:31:36

Torpedos 26/04

  • Escrito por  DA REDAÇÃO

Providências

Defesa Civil interditou uma das pontes em frente ao Sesc. O dispositivo de travessia estava sem os corrimões e oferecia enorme risco de acidente. Parabéns pela providência.

Vergonha

Chico Loco (PSB), o vereador, cometeu mais uma insanidade. Segundo o vereador Leandro Guerreiro (PSB), o Nero de São Carlos, sequer respeita as leis de trânsito. O paladino da Justiça para o veículo em vaga destinada a idosos. Que lástima!

Mãos à obra

A Prefeitura de São Carlos faz uma Força-Tarefa na Baixada do Mercado. O objetivo: deixar as praças do Mercadão e dos Voluntários nos trinques para a Festa do Clima. Que bom se essa dedicação ocorresse em toda a cidade. Só que não!

Que fase!

O pessoal da hemodiálise começou a ‘mexer o corpinho’, segundo o vereador Marquinho Amaral (MDB). Botaram trancas nas portas. Será que estão morrendo de medo que a verdade do serviço seja exposta à sociedade? Segundo o mesmo parlamentar, a ssistência às pessoas da diálise é uma porcaria.

Pés no peito

O mesmo vereador afirmou que levará o caso ao Ministério Público Federal. E por que essa instância da Justiça? Porque há recursos do Ministério da Saúde.

Tendência

Já escrevemos nesse espaço sobre o Hospital Universitário, que hoje atende o paciente a ‘porta fechada’, ou seja, referenciado. E vamos enfatizar: o mesmo sistema será adotado no Serviço Médico de Urgência da Santa Casa. Não adianta espernear. O que as autoridades precisam entender é que a Saúde Básica precisa de reforço. E hoje não vemos no serviço público.

Alvará

A Unimed São Carlos já recebeu o alvará do prédio da antiga Casa de Saúde e Maternidade. Isso é uma boa notícia para a cidade.

 

Será?

 

Os petistas, de fato, estão órfãos de lideranças. A militância alimenta a esperança de ter Newton Lima como candidato a deputado estadual. Isso tá com cara de notícia plantada, mas que os petistas estão órfãos, isso é a mais pura verdade.

 

Números

 

O vereador João Muller (MDB) divulgou números interessantes sobre o Ambulatório Médico de Especialidades (AME). Até agora, foram 800 atendimentos referenciados. O contrato é de 1.100/mês e deve expandir com 21 especialidades atingindo 6000 atendimentos/mês até início de 2019.

Avalie este item
(0 votos)

Adicionar comentário

Atenção

• Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post e são de inteira responsabilidade de seus autores.

• Não representam necessariamente a opinião deste jornal.

PUBLICIDADE

Atlântica

PUBLICIDADE

Jornal 1ª Primeira Página. Todos os direitos reservados.