Quinta-feira, 16 Agosto 2018  12:13:44

Torpedos 17/05

  • Escrito por  DA REDAÇÃO

Mau exemplo

O advogado Ademir Souza e Silva estaciona irregularmente a sua poderosa caminhonete Amarok na rua Major José Inácio, ao lado do Paço Municipal. Bem, pra quem tem terno de R$ 20 mil e mineradora, uma multinha de trânsito não pesa no orçamento. E pensar que este homem já foi secretário de Transporte e Trânsito.

Modorrenta

Ontem, aconteceu mais uma discussão do sexo dos anjos (ops!) reunião de secretários da administração Airton Garcia.

Queixa

Alguns secretários da administração já confidenciaram à coluna que não se sentem bem durante os encontros. Dizem que muita gente ‘nada a ver’ participa das reuniões. Logo, sentem-se intimidados em dar opiniões sobre a gestão e serem mal interpretados.

Um Caco!

A Saúde de São Carlos está mesmo um caco! (perdoem o trocadilho). Graças a “gestão” do secretário Caco, da saúde, faltam remédios, as unidades básicas não têm médicos e, por isso, as UPAS ficam sempre lotadas.

Imprensa

Dizem também que um veículo de comunicação é useiro e vezeiro em participar dos encontros. “Com todo o respeito, mas só faltam convidar as faxineiras do Paço”, revelou este importante membro do governo Airton.

Cara a tapa

Esta coluna aplaude de pé os vereadores Azuaite Martins de França (PPS) e João Muller (MDB). Foram os ÚNICOS que defenderam com argumentos a aprovação das contas do ex-prefeito Paulo Altomani (PSDB) referentes a 2014. João Muller era o relator. Os demais se acovardaram perante a opinião pública. Foram muristas.

Parem as máquinas!

Certamente, as bolsas de valores do mundo sofreram um forte abalo após este release: “Robertinho [Mori] participa de audiência pública sobre a Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida”. Senhor, por favor! Isso é obrigação do vereador e não favor. É o rabo balançando o cão mesmo. Não tem jeito!

Aconteceu em São Carlos

Da série “O rabo balançando o cachorro”,  locutor de rádio é proibido de dar bom dia aos ouvintes. Que fase!

Escuridão

Terminal de Integração da Rodoviária. Tudo escuro. E perigoso. Usuários pedem providências da Prefeitura.

Avalie este item
(0 votos)

Adicionar comentário

Atenção

• Os comentários devem ser respeitosos e relacionados estritamente ao assunto do post e são de inteira responsabilidade de seus autores.

• Não representam necessariamente a opinião deste jornal.

PUBLICIDADE

Atlântica

PUBLICIDADE

Jornal 1ª Primeira Página. Todos os direitos reservados.